Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORONAVÍRUS

Prefeito de Campo Grande não cogita lockdown

Na cidade apenas 45,6% ficou em casa no fim de semana
01/06/2020 12:34 - Adriel Mattos, Gabrielle Tavares


 

Campo Grande registrou taxa de isolamento de 45,6% no último final de semana do mês de maio. Foi a penúltima capital brasileira que menos respeitou a medida de biossegurança nos últimos dois dias, só perdeu para Goiânia-GO. Sobre isso, o prefeito Marcos Trad (PSD) disse que apesar de se preocupar com a baixa adesão a quarentena, não cogita lockdown.

“É muito difícil segurar a população dentro de casa pelo tempo que já estão ficando, todos querem sair às ruas. Infelizmente têm pessoas que não acreditam nessa enfermidade ou falam que já passou”, relatou o prefeito.

Segundo Boletim Epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (1º), a cidade já conta 312 casos confirmados da Covid-19. A prefeitura começou nesta semana a realizar blitze em terminais de transporte público e cruzamentos com grande circulação na cidade para testar a população.

“Todas as medidas de cautela, com respaldo científico, são sempre bem-vindas. Não vamos prender as pessoas, então vamos orientar. Quem está violando as regras são adultos, não crianças. E eles sabem os riscos que estão correndo, a gente orienta, mas vai da consciência de cada um”, concluiu Marcos Trad.

 

Felpuda


Nos bastidores, há quem garanta que a única salvação, de quem está com a corda no pescoço, é ele aceitar ser candidato a vice-prefeito em chapa de novato no partido. Vale dizer que isso nunca teria passado por sua cabeça, uma vez que foi eleito com, digamos, “caminhão de votos”. Se aceitar a imposição, pisaria na tábua de salvação; se recusar, poderá perder o mandato. Ah, o poder!