Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORREDOR SUDOESTE

Prefeitura licita empresa para instalar semáforos no novo corredor da Brilhante

Rua passa por reformas desde 2016 e deve ser finalizada em dezembro
29/05/2020 16:49 - Fábio Oruê


Prefeitura de Campo Grande licitou empresa especializada para implantação de sinalização semafórica do corredor sudoeste de transporte, nas ruas Brilhante e Guia Lopes. A empresa vencedora foi a Cobrasin Brasileira de Sinalização e Construção LTDA. As obras nas vias citadas começaram em 2016, ainda na gestão de Alcides Bernal. 

Para o secretário de Infraestrutura de Campo Grande, Rudi Fiorese, apesar de já estarem bem adiantadas, as obras nas ruas Guia Lopes e Brilhante e na Avenida Bandeirantes devem se estender até o fim de 2020, em razão dos detalhes que deverão ser concluídos.  

“Estamos instalando os terminais de transbordo, depois serão colocados os semáforos e só então será feita a sinalização por parte da Agetran [Agência Municipal de Transporte e Trânsito]. Não tem previsão para entrega ainda, mas acreditamos que ficará pronto até o fim do ano”, havia declarado Fiorese, como publicado pelo Correio do Estado no dia 18 de maio.

A reportagem entrou em contato com o Executivo Municipal questionando sobre o valor do contrato e a previsão para instalação, mas até esta publicação não houve retorno. 

CONTRATO DE R$ 42 MILHÕES

A Prefeitura renovou por mais dois anos o contrato com o Consórcio CAM, empresa que faz a implantação, manutenção preventiva e conserto da sinalização horizontal, vertical e semafórica. Com a prorrogação, houve também um reajuste de 3,6% do valor do contrato, que foi originalmente firmado em 2018, que agora será R$ 42.530.475,01 - antes o valor era de R$  41.052.582,06.

Na edição do Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande), consta que o contrato foi prorrogado por 24 meses, a contar a partir do mês passado até abril de 2022. Desde abril de 2018, o consórcio é responsável pela instalação, manutenção preventiva e corretiva de placas, faixas e semáforos. 

O contrato estabelece que o consórcio faça manutenção corretiva no prazo de até duas horas a partir do acionamento, além da instalação dos equipamentos. O termo aditivo foi firmado entre o diretor-presidente da Agência Municipal de Trânsito (Agetran), Janine de Lima Bruno e o representante do consórcio, Gilberto Andrade Farias.

 
 

Felpuda


Alguns pré-candidatos que estão de olho em uma cadeira de vereador vêm apostando apenas nas redes sociais, esperançosos na conquistados votos suficientes para se elegerem. A maioria pede apoio financeiro para continuar mantendo suas respectivas páginas, frisando que não aceita dinheiro público ou de político, fazendo com que alguns se lembrem daquela famosa marchinha de carnaval: “Ei, você aí, me dá um dinheiro aí, me dá um dinheiro aí...”. Como diria vovó: “Essa gente perdeu o rumo e o prumo”.