Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORONAVÍRUS

Prefeitura suspende atendimento nos Centro de Idosos e Assistência Social

Idosos e pessoas com doenças crônicas estão no grupo de risco para a doença
17/03/2020 15:28 - Daiany Albuquerque


A Prefeitura de Campo Grande suspendeu totalmente os atendimentos nos Centros de Convivência de Idosos (CCI) pelo período de 20 dias, a contar de quarta-feira (18). As unidades dos CRAS (Centros de Referência da Assistência Social) e os Centros de Convivência (CC) estarão atendendo apenas Cadastro Único e Benefício Eventual.

As medidas foram tomadas por conta do Decreto n. 14.189, publicado no Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande) de segunda-feira. O documento determina ações de enfrentamento a emergência de saúde pública decorrente ao Covid-19, o novo coronavírus.

“A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) informa que como medidas individuais recomenda-se que pacientes com sintomas respiratórios fiquem restritos ao domicílio e que pessoas idosas e pacientes de doenças crônicas evitem sua circulação em ambientes com aglomeração de pessoas”, diz trecho da nota.

A secretaria orienta que, sobre dúvidas dos atendimentos, a população deve entrar em contato via telefone com a unidade mais próxima de sua residência, que está disponíveis no site da prefeitura.

Atualmente Mato Grosso do Sul tem quatro casos confirmados do novo coronavírus, todos em Campo Grande. Até o momento, nenhuma das pessoas diagnosticadas está em estado grave. Nesta terça-feira o Brasil confirmou a primeiro morte por Covid-19 no país, um homem de 62 anos em São Paulo, o estado investiga outras quatro mortes.

 

Felpuda


Devidamente identificadas as figurinhas que agiram “na sombra” em clara tentativa de prejudicar cabeça coroada. Neste segundo semestre, os primeiros sinais começarão a ser notados como reação e “troco” de quem foi atingido. Nos bastidores, o que se ouve é que haverá choro e ranger de dentes e que quem pretendia avançar encontrará tantos, mas tantos empecilhos, que recuar será sua única opção na jornada política. Como diz o dito popular: “Quem muito quer...”.