Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PREVENÇÃO

Presídios de MS passam por higienização para evitar a disseminação do coronavírus

Calçadas, portarias e até celas estão sendo higienizadas constantemente
20/04/2020 10:42 - Bruna Aquino


Para evitar a disseminação do novo coronavírus em Mato Grosso do Sul, presídios estão adotando medidas de higienização constantes em áreas externas como calçadas e portarias e principalmente nas áreas internas desde o recebimento de materiais enviados por familiares, triagem e até a limpeza das celas duas vezes por semana. As medidas foram divulgadas pela  Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen). 

De acordo com o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, a instituição vem tomando medidas necessárias para assegurar a saúde e o bem-estar tanto dos servidores quanto dos custodiados. “As ações sanitárias acontecem em todas as unidades penais do estado. Nossas atitudes também são embasadas em recomendações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), da Organização Mundial de Saúde (OMS) e dos Ministérios da Saúde e de Justiça e Segurança Pública”, disse. 

Em Três Lagoas, o presídio masculino de regime fechado realiza a limpeza na portaria e na via de acesso principal à unidade com solução desinfetante com o apoio da Prefeitura e da Secretaria Municipal de Saúde.

Em Amambai, diariamente as calçadas da unidade penal estão sendo pulverizadas com a solução contendo água e hipoclorito de sódio. Foi colocado um tapete grosso na entrada da unidade umedecido com a solução sanitizante três vezes ao dia e os setores administrativos também são higienizados diariamente.

Além disso, as celas estão sendo lavadas duas vezes por semana e álcool 70% foi disponibilizado em locais estratégicos da unidade penal e os servidores também receberam máscaras, permanecendo apenas um por setor.

Segundo a Agepen, no Estabelecimento Penal de Corumbá, os pertences entregues pelos familiares dos detentos passam por estufa para serem higienizados. E na Penitenciária de Dois Irmãos do Buriti (PDIB), todos os veículos são dedetizados antes de entrarem na unidade penal; além disso, três celas foram desinfetadas, onde estão sendo isolados os presos que dão entrada na unidade e apenas são liberados para o convívio após passar por avaliação médica.

Prevenção

Na última semana, a Agepen informou que foi suspenso visitas até o dia 22 de abril e orientando os servidores penitenciários sobre o recebimento de pertences nas unidades penais do estado.

A Agepen também mantém os cuidados preventivos nos casos de entrada de novos custodiados, que continuarão passando por triagem preliminar. Em Campo Grande, essa triagem está sendo realizada no Módulo de Saúde do Complexo Penitenciário, já nas unidades do interior do estado, o procedimento é feito no próprio setor de saúde da unidade penal. Em casos de suspeita, o interno recebe atendimento médico e é isolado dos demais, se necessário.

 

Felpuda


Lideranças de alguns partidos estão fazendo esforço da-que-les para fechar chapa com o número exigido por lei de 30% do total de vagas para as mulheres. Uma dessas legendas, por exemplo, tenta mostrar a “felicidade” das suas pré-candidatas, mas teme o fracasso, tendo em vista que o “chefe maior” é aquele que já mandou mulheres calarem a boca e disse também que a importância da sua então esposa na campanha eleitoral era porque apenas “dormia com ele”. Ô louco!