Clique aqui e veja as últimas notícias!

SAÚDE

Prevenção da Covid-19 reduziu incidência de outras doenças em Mato Grosso do Sul

Neste ano, foram 8 as mortes por gripe, contra 68 em 2019; meningite e sarampo também tiveram redução
12/10/2020 09:00 - Daiany Albuquerque


As medidas de prevenção para evitar a infecção pela Covid-19 ajudaram também a evitar outras doenças contagiosas em Mato Grosso do Sul. 

Dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES) mostram que no mesmo período do ano passado, o Estado tinha 87,6% a mais de mortes por Influenza do que este ano.

Segundo boletim epidemiológico do dia 16 de outubro de 2019, 65 pessoas haviam morrido naquele ano em função da Influenza (A e B), em 2020, porém, esse número caiu para apenas 8, dados até o dia 3 de outubro.

Para o médico infectologista e pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), isso se deve, em grande parte, o distanciamento social imposto pela pandemia e as medidas de prevenção, como uso de máscara e higiene das mãos.

Conforme o pesquisador, além da gripe, outras doenças contagiosas também foram evitadas por causa dessas medidas. “Em todo o Brasil reduziu [gripe], sarampo também, que transmite mais que coronavírus e com as medidas, apesar da baixa cobertura, caiu o número de casos, meningite também”.

Ainda conforme dados da SES, até outubro do ano passado foram notificados 1.553 casos de Influenza em todo o Estado, sendo que 323 foram confirmados, já em 2020 as notificações aumentaram e chegaram a 11.038, mas apenas 80 foram confirmados para a doença.

Nota-se também que, em relação ao comparativo, o porcentual de mortes em relação ao número de confirmações também houve redução. Em 2019, quando 323 pessoas se contaminaram com a Influenza, 68 morreram, ou seja, 21% desse valor. Já este ano, quando ocorreram 80 episódios, 8 pessoas morreram, representando 10%.