Clique aqui e veja as últimas notícias!

MEDIDAS RESTRITIVAS

Primeiro dia de Lockdown tem festa em parque e lojas de departamento lotadas

O decreto para as 43 cidades em bandeira cinza no Estado é válido até (26) de junho
13/06/2021 17:50 - Thais Libni


Em meio ao primeiro dia do decreto estadual de medidas mais restritivas, população campo-grandense se aglomera em lojas de departamento e realizam festa no Parque das Nações Indígenas.  

O decreto que visa controlar a situação de 43 municípios incluindo Campo Grande que estão na bandeira cinza - sinalização de risco extremo na pandemia - do programa Prosseguir, determina apenas o funcionamento de atividades essenciais por 15 dias.

Últimas Notícias

Ao percorrer os principais pontos da Capital, foi identificado pela reportagem do Correio do Estado que restaurantes e bares da Capital funcionaram normalmente neste domingo (13). 

A loja de departamento Havan, localizada próximo ao shopping Norte Sul Plaza, com a Classificação Nacional de Atividades Econômicas Alimentícia (Cnae) estava aberta ao público por ser considerada essencial visto que vende alguns alimentos. 

No entanto, com muitas pessoas em seu interior, não apenas alimentos foram vendidos, como também roupas, eletrodomésticos, cosméticos e objetos de decoração.

Já no Parque das Nações Indígenas, uma festa infantil com aproximadamente 20 pessoas estava sendo realizada tranquilamente na beira do lago do parque. 

As pessoas que participavam do evento não usavam máscaras nem respeitavam o distanciamento social. 

Aglomerações também foram registradas em pontos de vendas de lanches e água que contavam com a presença de muitas pessoas consumindo no local. 

Durante todo o percurso feito pela reportagem nenhuma fiscalização dos órgãos de segurança foi vista.

Além da proibição de atividades não essenciais, o decreto também conta com um toque de recolher das 20h às 5h. A medida será valida até o dia (26) de junho. 

Covid 

Mato Grosso do Sul confirmou 1.138 novos casos e 38 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas. Com isso, o Estado totaliza 313.530 casos confirmados e 7.477 mortes, de acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgado neste domingo (13).

A taxa de letalidade está em 2,4% e a média móvel de mortes é de 52,4. Campo Grande possui 40,8% dos óbitos registrados em Mato Grosso do Sul.

MS tem 1.177 dos pacientes com Covid internados. Desse total, 561 casos graves estão em Unidade de Terapia Intensiva (UTI's), sendo 427 em leitos públicos e 134 em privados. 

Campo Grande é o município do Estado com o maior número de contaminados pela Covid-19, ao todo 111.189 habitantes da Capital já testaram positivo para o vírus. 

Assine o Correio do Estado