Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MARACAJU

Quadrilha de traficantes é desarticulada e meia tonelada de maconha apreendida

Seis criminosos foram presos; eles seguiam para a cidade de Goiânia (GO)
16/08/2015 15:29 - LAURA HOLSBACK


 

Quadrilha composta por seis traficantes foi desarticulada e mais de meia tonelada de maconha apreendida, por volta das 9h30min deste domingo (16), durante operação de fiscalização de policiais militares rodoviários estaduais, no quilômetro 29, da MS-164, no distrito de Vista Alegre, em Maracaju.

Foram presos, segundo a polícia, Peter Augusto Ferreira Martins, de 37 anos, Reginaldo Francisco da Silva, 36, Alan do Carmo da Cruz, 23 anos, Reginaldo Lopes, de 35, Charles de Souza Lima, 41, e Luan Renato dos Santos, 20 anos.

Policiais se deslocavam pela rodovia, no sentido a cidade de Ponta Porã, quando observaram que o condutor de um Astra, posteriormente identificado como sendo Peter, que seguia no sentindo oposto, freou bruscamente ao se deparar com a viatura policial e seguiu viagem, levantando suspeita de envolvimento em ato ilícito.

Foi montada barreira a fim de parar outros dois carros que seguiam atrás do Astra, sendo um Uno e Ecosport. Em abordagem, constatou-se que no Ecosport, conduzido por Alan, eram levados 561 quilos de maconha. Já no Uno, que era dirigido por Reginaldo Francisco, nada de ilícito foi encontrado, mas, comprovou-se que ele junto com ocupantes do Astra desempenhavam papel de batedores. 

O Astra foi parado momentos depois em barreira armada na frente do posto da PRE. Em cada carro havia um passageiro. Tratando-se de Reginaldo Lopes, Charles e Luan.

Em revistas, foram apreendidos com o grupo, ainda, 5,9 quilos de sementes de maconha que seriam para cultivo em Goiânia (GO), para onde a quadrilha seguiria.

Os seis foram presos pelo crime de tráfico de drogas e encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Maracaju.

 

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...