Clique aqui e veja as últimas notícias!

SAÚDE

Hospital Regional abre novos leitos de UTIs, mas faltam profissionais de saúde

Diretora da unidade afirma: “sem que a população se conscientize fica impossível fazer algo, vidas vão se perder”
09/12/2020 11:30 - Rafaela Moreira


Oito novos leitos de UTI foram abertos hoje (9) no Hospital Regional, unidade de referência contra a Covid-19 no Estado. No último domingo, dez leitos de UTIs foram inaugurados. Com isso, a capacidade da unidade sobe para 118 leitos de UTIs disponíveis.

A diretora-presidente do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, Rosana Leite, fez um novo apelo para que a população evite aglomerações e use máscara. 

“Vamos tomar medidas emergenciais aqui no hospital para conter esse avanço, mas sem que a população se conscientize que somente eles podem parar o avanço exponencial do vírus, fica impossível fazer algo. Vai faltar leitos, respiradores, medicamentos e infelizmente vidas vão se perder”. 

Acompanhe as últimas notícias

Rosana Leite destacou que a ampliação de leitos é importante, devido ao aumento de pacientes internados. A última semana epidemiológica foi a pior desde o início da pandemia, Campo Grande tem 137 pacientes em UPAs à espera de leitos em hospitais. 

“É alarmante esses números, eles saltaram de forma inimaginável. Sabemos que a patogenicidade do vírus e sua infectibilidade é grande, mas saltar de 80 para 95% de ocupação dos leitos críticos, em questão de semanas, é algo que nos assusta muito”.

Falta mão de obra

Outro ponto que preocupa é a falta de profissionais, o Hospital possui estrutura física e equipamentos para comportar novos leitos, no entanto, falta mão de obra. Segundo Rosana Leite, o HRMS publicou o edital para a contratação de 60 médicos, mas apenas 56 fizeram o cadastro.

A diretora-presidente do Hospital pontuou que o Governo do Estado está finalizando um ajuste para a contratação de mais 60 técnicos de enfermagem e ampliação do pagamento de horas extras de farmacêuticos e nutricionistas, para atender a expressiva demanda.