Clique aqui e veja as últimas notícias!

EM ANO DE PANDEMIA

Vai fazer o Enem? Veja dicas e saiba o que é permitido e proibido no Exame

Guia traz principais informações sobre o que fazer antes, durante e depois da prova e regras de biossegurança
24/01/2021 06:00 - GLAUCEA VACCARI


O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será realizado nos dois próximos domingos, dias 17 e 24 de janeiro, na versão impressa. 

Com a aproximação do Exame, é comum que aumente a ansiedade por parte dos estudantes inscritos e, por isto, é importante ficar atento as regras e informações sobre o Exame antes da prova, especialmente neste ano, em que medidas de biossegurança foram implementadas devido à pandemia do coronavírus.

Para ajudar e tirar dúvidas aos inscritos, Correio do Estado elaborou um guia com as principais informações que você precisa saber antes, durante e depois da prova.

Últimas notícias

Em Mato Grosso do Sul,  82.710 pessoas se inscreveram para fazer o Enem, que serve como critério de admissão em algumas universidades públicas do País, seja entrada direta ou por meio do ProUni, Sistema Unificado de Seleção (Sisu) ou Fies.

Além disso, o resultado da prova também pode ser utilizado para dar acesso a universidades portuguesas conveniadas ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep) ou a faculdades brasileiras privadas.

Confira dicas e principais informações que você precisa saber sobre o Enem:

Antes da prova

  • Devido ao fuso horário, o candidato deve ficar atento aos horários de fechamento dos portões. No Estado, portões dos locais de prova serão abertos às 10h30 e fechados ao meio-dia. Início das provas será às 12h30 e término às 18h no primeiro domingo, e das 12h30 às 17h30 no segundo. Após o fechamento dos portões, não é permitida a entrada de nenhum candidato.
  • O candidato deve conferir atentamente todas as informações que constas no cartão de confirmação do Enem, além das divulgadas previamente pelo Inep. O cartão está disponível na página do participante e nele constam o local de prova, com endereço da escola, número da sala e demais informações prestadas no ato da inscrição, como opção de língua estrangeira e se o candidato precisa de algum tipo de atendimento específico.
  • Em MS, o Enem será aplicado em 41 municípios. Os locais são informados apenas aos candidatos e não são divulgados por questões de segurança.
  • Com a informação sobre qual o local de prova, é importante verificar com antecedência a logística e trajeto até o local. Caso vá de ônibus, verificar as linhas que atendem a região e horários. Calcule o tempo de trajeto e saia de casa com bastante antecedência no dia da prova para evitar imprevistos.
  • O cronograma de estudo varia para cada participante, mas faltando pouco para o exame, a dica é apenas revisar o conteúdo para estar com a mente descansada e ter maior concentração no dia da prova.

No dia da prova

O Enem tem regras específicas quanto aos materiais permitidos e documentos que permitem ao candidato acessar o local de prova e é importante ficar atento para evitar desclassificação.

  • É obrigatório que o candidato apresente documento oficial de identificação com foto, que pode ser RG, passaporte, carteira nacional de habilitação ou outros documentos que constam no edital. O documento deve ser apresentado em seu original e não serão aceitas cópia autenticada ou versão eletrônica.
  • O candidato pode levar celular, mas o uso é proibido durante o teste e equipamento, assim como outros pertences que o estudante levar, deve ser guardado em envelope porta-objetos que ele receberá antes de entrar na sala de aplicação do exame. Os equipamentos eletrônicos devem ser guardados desligados e, caso haja qualquer sinal de funcionamento, o candidato é excluído. O envelope será lacrado, identificado e mantido sob a carteira até a saída definitiva da avaliação.
  • Para fazer a prova, é permitido apenas o uso de caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente. Caso o gabarito seja preenchido com caneta de outra cor, o candidato é eliminado. Isto porque o leitor que faz a correção da prova reconhece apenas a cor preta. Quanto ao material transparente, é medida para evitar que o candidato guarde colas no tubo da caneta.
  • Apesar de ser permitido apenas o uso de caneta preta, não há limitação no número de canetas que o candidato pode levar e é recomendado levar uma ou mais de reserva para evitar problemas por conta de falhas, por exemplo.
  • O Inep recomenda ainda que o candidato imprima e leve o Cartão de Confirmação da Inscrição nos dois dias de provas, para facilitar a localização do local e sala de prova. No entanto, não é obrigatório levar o cartão.
  • Na sala de provas, não é permitido que o candidato porte ou use boné, fones de ouvido, relógio, óculos escuros, calculadoras, pen drive, livros, folha de rascunho, chaves, lápis, corretivo, borracha, armas de qualquer espécie, entre outros.
  • Lanches e bebidas são permitidos para consumo durante a prova, mas todos os alimentos passam por avaliação do aplicador do exame.
  • Assim que receber o cartão de provas, é imprescindível se concentrar para fazer o exame e preencher tudo corretamente. Leia as questões com atenção e tenha atenção redobrada ao passar as respostas do rascunho para o gabarito. Não são permitidas rasuras. Faça a prova no seu tempo, mas fique atento ao tempo de duração para não correr o risco de não conseguir terminar.
  • No primeiro dia, é aplicada a prova de Linguagens, Redação e Ciências Humanas. Já no segundo domingo, é a vez de Matemática e Ciências da Natureza.
  • Após o primeiro domingo de provas, o candidato tem duas preocupações: se foi bem na primeira parte do Exame e a expectativa pelo segundo. Ansiedade e preocupação são comuns, mas especialistas recomendam que os candidatos se desprendam que questões que fogem do controle, como o desempenho na primeira prova, e se concentrem na etapa que está por vir. Cada pessoa tem um cronograma de estudo, mas orientação é tirar um tempo para descansar a mente.

Depois da prova

  • Passadas as duas etapas do Exame, resta aguardar os resultados.
  • Gabarito oficial será divulgado no site e aplicativo do Enem e no Portal do Inep, no dia 27 de janeiro para quem fez a versão impressa e até o dia 10 de fevereiro para quem fez a versão digital.
  • Resultados individuais serão divulgados em março de 2021. Para acessar, é necessário o CPF do candidato.
  • Já para os treineiros, que fazem o Enem para autoavaliação de conhecimentos, a divulgação será 60 dias após os resultados individuais.
  • Todas as informações individuais, como cartão de confirmação, local de prova e posteriormente os resultados, estão disponíveis em edital no site do Inep.

BIOSSEGURANÇA

Em decorrência da pandemia da Covid-19, neste ano, o Inep adotou uma série de medidas preventivas para garantir a aplicação segura da prova para os candidatos. As medidas devem ser seguidas obrigatoriamente por todos que forem prestar o Enem.

  • O uso de máscaras de proteção facial é obrigatório durante toda a aplicação da prova. O participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, ou recusar-se, sem justificativa, a respeitar os protocolos de proteção contra a Covid-19, a qualquer momento, será eliminado do exame.
  • Só será permitida a retirada da máscara para alimentação ou ingestão de líquidos. O participante poderá levar mais de uma máscara para troca ao longo do dia.
  • A higienização das mãos com álcool em gel, próprio ou fornecido pelo Inep, será obrigatória antes da entrada em sala de provas. Recipientes de álcool ficarão disponíveis durante toda a aplicação.
  • A ida ao banheiro será permitida desde que seja respeitada a distância prevista nos protocolos.
  • Vistoria eletrônica das pessoas e de lanches, por meio de detector de metais, também respeitarão os protocolos de segurança e prevenção.
  • As escolas serão higienizadas antes da aplicação do exame e organizadas também para garantir um distanciamento social adequado.
  • Pessoas com caso confirmado ou com sintomas de Covid-19 ou outras doenças infectocontagiosas, não devem comparecer aos locais de aplicação e o caso deve ser comunicada, por meio da Página do Participante, antes da aplicação do exame. Para a análise da possibilidade de reaplicação, o participante deverá inserir, obrigatoriamente, no momento da solicitação, documento legível que comprove a doença.