Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

LINHA DE FRENTE

Pandemia pode afetar saúde mental de profissionais da saúde

Psicóloga da dicas de como lidar com a pressão diária
22/07/2020 09:42 - Gabrielle Tavares


Profissionais da saúde que estão na linha de frente do combate ao coronavírus colocam em risco não só a saúde física, como a mental. 

A jornada excessiva de trabalho, cansaço, estresse podem acarretar transtornos psicólogos.  

Para auxiliar quem está trabalhando diretamente com a pandemia, o Conselho de Enfermagem de mato Grosso do Sul criou um portal para divulgar materiais de apoio e orientações.  

Em uma das publicações da cartilha, a psicóloga Letícia Sanches disse que esses profissionais precisam ficar atentos a sintomas que indicam piora da saúde mental, e que, se frequente, a ajuda de um psicólogo ou psiquiatra precisa ser procurada.  

“Cansaço físico e mental excessivo, dor de cabeça frequente, alterações no apetite, insônia/hipersonia, dificuldades de concentração, sentimentos de fracasso e insegurança, negatividade constante, sentimentos de derrota e desesperança”, explicou Letícia.  

A psicóloga afirmou que se a pessoa não tem como ter acesso a um psicólogo, conversar com outros atuantes da área da saúde pode ser uma boa alternativa.  

“Compartilhar sentimentos e a experiência com alguém que está passando pelo mesmo, pode ajudar a ver o momento de uma maneira diferente e aliviar a angústia. Familiares e amigos também podem ajudar, estar presente faz toda diferença”, garantiu.

O material completo pode se acessado aqui.  

 
 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...