Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORONAVÍRUS

Sejusp confirma 33 policiais com suspeita de Covid-19

Outros 12 policiais civis fizeram o exame após presos apresentarem sintomas
20/04/2020 11:00 - Natalia Yahn


 

Pelo menos 33 policiais militares de Mato Grosso do Sul são tratados como casos suspeitos de Covid-19 pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). Por apresentarem algum tipo de sintoma, os policiais militares precisaram ser afastados por medidas de segurança, após terem contato com pessoas que testaram positivo para o novo coronavírus. A pasta não confirmou porém, se os policiais estão oficialmente na lista de pessoas que fizeram o teste e se aguardam resultado de exames.  

Atualmente o Estado tem 168 casos confirmados da doença, provocada pelo novo coronavírus, sendo 87 concentrados em Campo Grande e os demais em outros 19 municípios do interior. Além disso, já foram 979 casos foram descartados para Covid-19 e 43 continuam em investigação. Até agora cinco pessoas morreram vítimas da doença.  

Outros 12 policiais civis de Miranda - a 206 quilômetros de Campo Grande - tiveram que fazer o teste após dois presos que foram transferidos para São Paulo apresentarem sintomas e terem a doença confirmada. A Sejusp informou que o teste do grupo de policiais - o delegado, dez investigadores, uma escrivã, além de três servidores administrativos (somando total de 15 pessoas) - deu resultado negativo. E até agora nenhum policial civil na Capital ou no interior foi afastado em razão da Covid-19.

Na quarta-feira (15) o prédio da delegacia de Miranda passou por duas desinfecções, apenas um dia depois da transferência dos oito presos preventivamente no local, dos quais dois testaram positivo para Covid-19.  

Dos oito presos de Miranda, seis foram transferidos para São Paulo e dois para Corumbá. Todos eles tiveram prisão preventiva convertida em domiciliar após decisão judicial, expedida no dia 14 de abril. Os transferidos ao estado vizinho foram levados em ambulâncias até Três Lagoas, município na divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo.

Além dos dois casos confirmados, outros dois detentos apresentaram sintomas da covid-19. A dupla foi submetida a exames, mas os resultados não foram divulgados. Os oito homens haviam sido presos no dia 2 de abril, por receptação. O grupo foi flagrado com carros roubados e furtados, e acabou levado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF)) e Polícia Militar até a delegacia de Miranda.

Os detidos seriam transferidos para o presídio de Dois Irmãos do Buriti, mas no dia 9 de abril - um dia antes do feriado de Sexta-feira Santa - um deles apresentou sintomas e foi atendido no hospital de Miranda. No domingo de Páscoa (12) o preso foi diagnosticado com a Covid-19.

No mesmo dia, o Estado recebeu 6 mil testes para detectar Covid-19. A remessa é destinada para testar médicos e policiais que estão atendendo a população. O secretário de Estado de Saúde (SES), Geraldo Resende, confirmou a realização dos exames. “Estão sendo feitos em todos os município seguindo critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde e pela SES”, disse. Porém a quantidade de testes realizados até agora em policiais não foi divulgado.

 

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.