Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

TRADIÇÃO INTERROMPIDA

Sem tapete tradicional, Corpus Christi contará com bênçãos ao redor das paróquias

Missas serão transmitidas pela internet e aglomerações estão proibidas
09/06/2020 16:42 - Fábio Oruê


Tradição de confeccionar o tapete de Corpus Christi não será seguida pela primeira vez em 63 anos, no Centro de Campo Grande. Para evitar aglomerações de fiéis, as paróquias da Capital contarão com restrições e programações individuais neste ano, devido a pandemia do coronavírus. 

Conforme divulgado pela Arquidiocese de Campo Grande, o cancelamento segue as recomendações das autoridades de saúde por conta da Covid-19. As paróquias continuaram com as transmissões ao vivo das missas, que devem começar às 8h no dia 11. As celebrações também contarão com a modalidade presencial, desde que seguindo as normas de biossegurança.

Presencialmente, idosos e pessoas do grupo de risco - hipertensos, diabéticos e portadores de doenças crônicas e respiratórias - estão proibidos de participar e é obrigatório o uso de máscaras. Além disso, tem que respeitar 60% da capacidade máxima de cada templo, mantendo o distanciamento de, no mínimo, 2 metros, de acordo com decreto da prefeitura da Capital para a reabertura das igrejas. 

Para a benção do Santíssimo, algumas locais percorrerão as ruas no entorno da paróquia ou ao redor do próprio templo. Na Paróquia do Divino Espírito Santo, no Aero Rancho, o Santíssimo percorrerá todas as comunidades. 

Confira abaixo os horários abaixo:

HorárioComunidade
09h20N. Sª da Guadalupe 
09h40N. Sª da Glória 
10h10São Vicente Pallotti
10h30São Roque Gonzales
10h50São Lucas
11h10N. Sª Rainha dos Apóstolos

Já na Paróquia Divino Paráclito, no Jardim Colibri, após a missa que começa às 8h, o Padre dará a benção nas mediações do local. Na São Sebastião, no Bairro Monte Carlo, as missas acontecem às 8h e às 19h, ambas transmitidas nas redes sociais da igreja. Não há informação sobre a benção na programação. 

Na Paróquia São Pedro Apóstolo, no Coronel Antonino, além da missa, doações de alimentos serão recebidas. Elas podem ser entregues nas comunidades ou secretaria paroquial. Também não há informação sobre a benção do Santíssimo. 

Por fim, a Paróquia Cristo Luz dos Povos, no Bairro Amambai, após a missa de Corpus Christi, fará a exposição do Cristo Eucarístico nas ruas próximas as comunidades. Além disso, está recolhendo alimentos não perecíveis e roupas, que serão destinadas para as crianças da Escolinha da Misericórdia. 

SANTO ANTÔNIO 

Outra tradição que precisou ser alterada devido a pandemia do coronavírus foi a distribuição do bolo de Santo Antônio, o santo casamenteiro e padroeiro de Campo Grande. Neste ano, o bolo que leva as alianças será distribuído em potes, vendidos a R$ 5. O ticket já está a venda e pode ser adquirido na secretaria paroquial ou também nos finais das missas, na Catedral Nossa Senhora da Abadia e Santo Antônio de Pádua, na Travessa Lydia Baís, no Centro da Capital. No dia 13, a distribuição do bolo começará às 6h e contará com⠀opção de Drive Thru. 

 
 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...