Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NOVOS MEIOS

Servidores do INSS do Estado fazem plantão de atendimento por telefone

Em meio a quarentena, órgão busca formas de orientar segurados sobre andamento de processos e pagamentos
27/03/2020 11:05 - Camila Andrade Zanin


 

Os servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de Mato Grosso do Sul estão realizando um horário de plantão especial. O objetivo é orientar os cidadãos sobre o andamento de seus processos, e informações sobre pagamentos. Os segurados do INSS tem mais uma opção de contactar o órgão neste período de quarentena, em virtude da pandemia de coronavírus (Covid-19).

Além do tradicional telefone 135 e da internet, através do site, meu.inss.gov.br, o plantão vai funcionar todos os dias, de segunda a sexta-feira, enquanto perdurar essa decisão de fechamento das agências, no horário das 8h às 14h. Para isso, servidores que não estão atendendo remotamente foram alocados para ajudar neste momento de pandemia. 

A determinação foi publicada na Portaria nº 412, de 20 de março de 2020, do presidente do Instituto Nacional do Seguro Social, na segunda-feira (23/3) no Diário Oficial da União. A partir daí, foi suspenso o atendimento presencial nas unidades do INSS em todo o país até 30 de abril de 2020.  

Já os agendamentos estão suspensos, inclusive de reabilitação profissional e serviço social, devendo ser re-agendados apenas quando do restabelecimento do atendimento presencial nas unidades do INSS. Está garantida, no entanto, a observância da data de entrada do requerimento.

Na Capital, os números são: (67) 4009-7881 / (67) 4009-7881 / (67) 4009-7711

 

Felpuda


Pré-candidato a prefeito de Campo Grande divulgou vídeo em que político conhecido Brasil afora anuncia apoio às suas pretensões. O problema é que o tal líder já andou sendo denunciado por mal feitos em sua trajetória, sem contar que o pai do dito-cujo teve de renunciar ao cargo de ministro por ter ligações nebulosas com empresa de agrotóxico. Depois do advento da internet, essa coisa de o povo ter memória curta hoje não passa de coisa “da era pré-histórica”.