Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PRÊMIO DE INOVAÇÃO NA GESTÃO PÚBLICA

Servidores estaduais tem poucos dias para fazer inscrição no prêmio de inovação

Nesta edição os servidores poderão participar, individual ou coletivamente
25/08/2020 16:40 - Fábio Oruê


Servidores públicos estaduais têm até o próximo dia 2 de setembro para se inscrever no Prêmio de Inovação na Gestão Pública.

Nesta edição os servidores poderão participar, individual ou coletivamente, uma única vez em cada modalidade.

Para concorrer, a premiação de R$ 6 mil, o servidor público estadual precisa registrar um trabalho que seja voltado para ações inovadoras que tragam soluções para o serviço público em tempos de pandemia, temática escolhida para a 15ª edição do prêmio.

Ao todo, serão premiados seis projetos, três de cada modalidade, somando o montante de R$ 24 mil. Os projetos que ocuparem o primeiro lugar receberão R$ 6 mil, os segundos colocados R$ 4 mil e os classificados em terceiro lugar R$ 2 mil cada.

Os trabalhos devem apresentar contribuições para a modernização da gestão pública, por meio de identificações das necessidades e da promoção de ações que causem impactos positivos e significativos, seguindo os quatro eixos estratégicos do Governo (social; econômico e ambiental; infraestrutura e gestão).

As inscrições para as duas modalidades devem ser realizadas no site da Escolagov. 

Para concluir o processo, o participante deve preencher o formulário, anexar o trabalho e os documentos solicitados.

No site da Escolagov, o servidor ainda encontra o edital completo do XV Prêmio de Inovação na Gestão Pública, Roteiros de Prática e Ideias, termo de compromisso e respostas para as dúvidas frequentes.

 
 

Felpuda


Nos bastidores, conversas, ou melhor, quase sussurros, dão conta de que compromisso assumido teria prazo de validade se acontecer a vitória de aliado.

A partir de então, o papo passaria a ser bem, mas bem diferente mesmo, pois, com acordo cumprido, novos objetivos passariam a ser fonte dos desejos, e sem nenhuma moeda de troca.

No caso, não haveria mais sequer um fio de bigode. Tipo, cada um na sua.