Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

REESTRUTURAÇÃO NA PF

Superintendente da PF em MS deve assumir cargo em Brasília

Reestruturação prometida por Bolsonaro na Polícia Federal se intensifica
30/07/2020 14:26 - Rodrigo Almeida


O Delegado Cléo Matuziak Mazzoti deixou o comando da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul na última semana, dia 22. A tendência é que o ex-superintendente deve assumir um cargo em Brasília, conforme compartilhado por ele mesmo com o Correio do Estado.

Mazzoti foi designado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública a assumir a Coordenadoria Geral da Polícia Fazendária da Diretoria de Investigação e Combate ao Crime Organizado.

A mudança faz parte de uma nova reestruturação da Polícia Federal depois da entrada de Rolando Souza como novo Superintendente-geral da organização.

Na ocasião, Rolando fora nomeado após Alexandre Ramagem ser impedido de assumir por uma decisão do Supremo Tribunal Federal. A crise fora criada à luz de acusações feitas pelo ex-Ministro da Justiça Sérgio Moro.

MS não é o único estado a fazer trocas: Goiás, Maranhão, Alagoas e Acre também estão passando por mudanças. De acordo com a Folha de S. Paulo, Mato Grosso, Paraíba, Rio Grande do Sul, Rio Grande Norte e Tocantins Também serão trocadas.

O Delegado integrou a operação Lava-Jato em Curitiba como interino em 2018. Além disso, ele passou pela Operação Lama Asfáltica, pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e pela Polícia Federal em Curitiba e Londrina.


 

 
 

Felpuda


É quase certo que a aposentadoria deverá ocorrer de maneira mais rápida do que se pensava em determinado órgão. O que deveria ser a tal ordem natural dos fatos acabou sendo atropelada por acontecimentos considerados danosos para a imagem da instituição. Os dias estão passando, o cerco apertando e já é praticamente unanimidade de que a cadeira terá de ter substituto. Mas, pelo que se ouve, a escolha não deverá ser com flores e bombons de grife.