Clique aqui e veja as últimas notícias!

BELEZA NA ESTIAGEM

Temporada de floração dos Ipês começa e colore inverno cinza de Campo Grande

No tempo seco e quente, flores amarelas, roxas e brancas encantam os campo-grandenses
08/09/2020 13:36 - Glaucea Vaccari


O inverno de Campo Grande, marcado pelo calor, tempo seco, estiagem e névoa seca, que tem deixado o céu cinza, começa a ganhar cores com a temporada de floração dos Ipês.  

As flores nas cores amarelo, rosa e branca começam a desabrochar e encantam os campo-grandenses nas ruas e canteiros da Capital.

Biológo e policial militar Ambiental, Ednilson Queiroz, explica que o desabrochar do colorido acontece de forma gradual, com a floração das roxas primeiros, depois as amarelas e, por último, as brancas.

“São árvores que se chamam caducifólias, elas perdem folha no período seco para economizar energia, porque a fotossíntese envolve água, e ela investe a energia que economizou na floração e elimina as flores para que as sementes se dispersem na natureza”, explicou o biólogo.

Dessa forma, o tempo seco e quente característico do inverno sul-mato-grossense costuma ser o período ideal para a temporada de flores dos ipês, que costuma ocorrer entre julho e setembro.

“A floração é rápida, a queda varia com o regime de vento”, explicou Queiroz.

Essa rapidez faz com que a floração dos ipês seja ainda mais um espetáculo para o campo-grandense.

Em vários locais da Capital é possível observar as flores, que são bonitas tanto na planta quanto no chão, devido ao tapete que se forma com a queda das flores.

Na rua Marques de Lavradio, mais de um ipê colore a via e se torna atração para a população, que para no local para registrar a beleza da natureza.  

Além da rapidez, o ipê não costuma florescer muitas vezes ao ano, o que faz com que o colorido chame ainda mais atenção.

“Depende da situação de micro clima. A floração normalmente é uma vez por ano”, comentou o biólogo e policial ambiental.