Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

IMUNIZAÇÃO

Terceiro lote de vacinas contra H1N1 chega na próxima semana

Secretaria, entretanto, ainda não sabe ao certo e dia nem a quantidade que será enviado
03/04/2020 08:29 - Daiany Albuquerque


 

O terceiro lote de vacinas contra a Influenza A – H1N1 deve chegar em Campo Grande na próxima semana, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), entretanto a pasta ainda não sabe dizer o dia certo e nem a quantidade de material que será encaminhado.

A campanha de vacinação contra o H1N1 começou no dia 24 de março e no dia seguinte o primeiro lote se esgotou. Esta semana nova remessa chegou a Capital, entretanto, em menos de 24 horas a vacina já não era mais encontrada em todos os postos de vacinação.

Durante esta primeira fase da campanha a imunização é para idosos e profissionais da saúde. A meta é imunizar 244 mil pessoas com mais de 60 anos e 59 mil trabalhadores da área da saúde.

Faltando 12 dias para o fim da primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe, Mato Grosso do Sul vacinou apenas 34,97% dos idosos e 39,13% dos profissionais da saúde. Até quarta-feira (1º), foram vacinados 85,3 mil idosos e 23 mil profissionais de saúde. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o Ministério da Saúde enviou 240 mil doses, devendo repassar 1 milhão em 14 remessas.

A previsão é de que a vacinação para a próximo grupo inicie no dia 16 de abril, quando serão imunizados professores das escolas públicas e privadas,  adolescentes e jovens de 12 a 21 anos cumprindo medidas socioeducativas, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independente da idade, servidores da segurança pública e do sistema prisional.

A terceira etapa da vacinação será de 9 de maio até 22 de maio e serão vacinadas crianças de seis meses a menores de 5 anos, gestantes, puérperas, indígenas, adultos entre 55 a 59 anos e pessoas com deficiência.

O Estado tem como público-alvo 902,2 mil pessoas. A meta é vacinar, pelo menos, 90% dos grupos elegíveis. Em 2019, Mato Grosso do Sul atingiu a meta com a cobertura de 91,2%. (Colaborou Adriel Mattos)

Felpuda


Pré-candidato a prefeito de Campo Grande divulgou vídeo em que político conhecido Brasil afora anuncia apoio às suas pretensões. O problema é que o tal líder já andou sendo denunciado por mal feitos em sua trajetória, sem contar que o pai do dito-cujo teve de renunciar ao cargo de ministro por ter ligações nebulosas com empresa de agrotóxico. Depois do advento da internet, essa coisa de o povo ter memória curta hoje não passa de coisa “da era pré-histórica”.