Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

APRESSADOS

Ultrapassagem indevida é a infração mais cometida no feriado

Número já é maior que o da operação do ano passado
15/11/2019 18:14 - FÁBIO ORUÊ


 

Alguns condutores não têm respeitado a sinalização nas rodovias e estão realizando ultrapassagens de forma imprópria, não respeitando a sinalização. Somente durante o início da Operação Proclamação da República 2019 - meia-noite de ontem (14) até às 16h de hoje (15) - a Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou e autuou 97 motoristas por ultrapassagem indevida, um condutor a cada 2h40. Este número já é maior que na operação do ano passado, que registrou 78 casos. 

Das 2,5 pessoas e 1,9 mil veículos fiscalizados foram constatados 46 condutores e 29 passageiros sem o cinto de segurança e seis crianças fora do dispositivo de segurança necessário - bebê conforto, cadeirinha e/ou assento de elevação. Além disso, Com foco na conscientização dos riscos enfrentados pelos viajantes, a PRF está promovendo ações direcionadas à educação para o trânsito, sendo que neste período 473 pessoas passaram por esse processo. 

Como a infração mais cometida é a ultrapassagem, a polícia recomenda que o condutor ultrapasse sempre pela esquerda somente em locais permitidos e principalmente onde haja todas as condições necessárias para execução da manobra com segurança. Antes de iniciar uma ultrapassagem, certifique-se da distância e da visibilidade do veículo que pretende ultrapassar e dos que vêm em sentido contrário. Se outro veículo o estiver ultrapassando ou tiver sinalizado a intenção de fazê-lo, dê a preferência e aguarde a sua vez. 

Toda manobra deve ser sinalizada com antecedência, além de atenção redobrada ao ultrapassar ônibus e caminhões. Por se tratar de veículos grandes e pesados, é preciso se certificar de que há espaço suficiente para realizar uma ultrapassagem segura e ao ser ultrapassado não acelere, não mude a trajetória do veículo e mantenha distância segura do veículo à frente.

Neste mesmo período 1,2 mil teste do bafômetro foram feitos, deste número seis foram constatados por teste, uma pessoa se recusou a realizar o teste e três foram presos. Além disso, aconteceram cinco acidentes, com seis pessoas feridas.  

QUATRO MORTOS EM 2018

Nos cinco dias de operação em 2018, entre 14 a 18 de novembro, a PRF registrou 22 acidentes - seis graves -, sendo que 34 pessoas ficaram feridas e 4 morreram. Foram contabilizadas 78 infrações de ultrapassagens indevidas, sendo dessas, 72 praticadas em faixa dupla contínua. 

O não uso do cinto de segurança foi responsável por 90 infrações, sendo 82 pelos passageiros que não utilizavam o dispositivo de segurança e 19 por crianças não estarem no bebê conforto, cadeirinha ou assento de elevação. 

Foram realizados 2 mil testes com bafômetro, 59 pessoas autuadas e 17 pessoas presas por embriaguez ao volante.

 

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!