Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

RECOMENDAÇÕES

Universidades públicas de MS realizam medidas de prevenção ao novo coronavírus

Recomendações são do Ministério da Educação e do Ministério da Saúde; Aulas não serão suspensas
14/03/2020 08:47 - Camila Andrade Zanin


 

Todas as universidades públicas de Mato Grosso do Sul estão se mobilizando em relação à Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Elas estão seguindo as recomendações do Ministério da Educação (MEC), do Ministério da Saúde, da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das demais autoridades de saúde do país. É preciso manter a calma, e lembrar que até o momento não há nenhum caso confirmado em Mato Grosso do Sul. Ainda não há recomendação para que as aulas sejam suspensas.

As universidades públicas do MS, Universidade Federal de MS (UFMS); Instituto Federal de MS (IFMS); a Universidade Estadual de MS (UEMS); e a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) seguem as orientações do MEC e às diretrizes do Ministério da Saúde. Estas orientações são direcionadas a adoção de medidas de prevenção ao novo coronavírus.

O Ministério da Saúde mantém uma página na internet com todas as informações oficiais sobre a Covid-19. O site explica como a doença é transmitida e tratada, e traz dados atualizados sobre os casos notificados, o plano de contingência e a importância de se denunciar as fake news sobre o assunto.

A UFMS orienta a comunidade acadêmica, devido ao grande número de pessoas e atividades coletivas em ambientes fechados, na sua maioria, a tomar medidas simples, mas que podem prevenir a transmissão do vírus. O reitor da UFMS, Marcelo Turine, criou na quinta-feira (12), o Comitê Operativo de Emergência, formado por especialistas em várias áreas. Dentre as medidas, o comitê decidiu que as viagens internacionais devem ser canceladas.

Todas as decisões foram tomadas em consonância com o time de especialistas que compõe o comitê O reitor assinou ontem (13) a portaria que trata sobre as medidas de proteção para enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente do coronavírus no âmbito da universidade. As medidas entram em vigor na segunda, dia 16, e valem para toda a comunidade universitária.

O IFMS também, para alinhar as ações de prevenção ao coronavírus, nos dez campi. O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) começou a adotar medidas de prevenção ao novo coronavírus.

O instituto está realizando ações em todos os campi. Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas disponibilizaram álcool em gel, orientações aos estudantes feitas por profissionais de saúde, cartazes afixados em murais, vídeos em redes sociais, entre outras, foram medidas aplicadas em praticamente todos os locais.

A UEMS e a UFGD divulgaram as informações e recomendações pelos portais institucionais das universidades, seguindo a mesma linha orientada pelos ministérios da Educação e Saúde. Então, por hora, as universidades manterão as atividades didáticas e administrativas em todas as suas unidades de ensino e pesquisa.

Providências Institucionais gerais:

  • Manter o concurso público para técnico-administrativo no domingo, 15;
  • Manter o Calendário Letivo e as atividades administrativas normalmente;
  • Cancelar as viagens nacionais ou internacionais a serviço;
  • Suspender todos os eventos e atividades técnico-científicos em locais fechados com aglomeração de pessoas;
  • Permitir atividades remotas por 14 dias para os servidores e estudantes que retornarem de viagens internacionais;
  • Intensificar a limpeza dos banheiros, elevadores, corrimãos e maçanetas, além de providenciar a disponibilidade de álcool gel nas áreas de circulação e no acesso a salas de reuniões e gabinete;
  • Assegurar a preservação e funcionamento dos serviços, atividades e reuniões de cunho administrativo, considerados essenciais ou estratégicos;
  • Definir que em caso de suspensão das aulas pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Saúde de Mato Grosso do Sul as disciplinas sejam realizadas 100% na modalidade a distância.

Recomendações

  • Incentivar que as direções das unidades optem pela execução do Plano de Ensino das disciplinas por meio de Estudo Dirigido, utilizando Educação a Distância e Tecnologias de Informação e Comunicação (Moodle, Google Classroom, Google Meet, Skype, Google Hangout, WhatsApp, Facebook, e-mail e outras) por meio de trabalho remoto, quando aplicável;
  • Possibilitar aos servidores e estudantes, maiores de 60 anos, gestantes e aqueles portadores de doenças crônicas que compõem o grupo de risco de aumento de mortalidade por COVID-19, caso haja transmissão local ou comunitária, a execução de suas atividades por trabalho remoto ou regime domiciliar.

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.