Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VIAGENS INTERESTADUAIS

Com viagens liberadas, passageiros começam a sair com destino à outros estados

Viagens ficaram suspensas durante três meses para evitar a entrada do coronavírus em Campo Grande
18/06/2020 17:02 - Fábio Oruê


Quem precisou marcar viagem para fora de Mato Grosso do Sul não hesitou após liberação das viagens interestaduais, com saída do Terminal Rodoviário de Campo Grande. O movimento era fraco na tarde desta quinta-feira (18), dia posterior à liberação, publicada em decreto ontem (17), mas deve se intensificar na parte da noite, quando os ônibus com destino à outros estados saem com mais frequência. 

No local, por volta de 14h30, o casal Leonardo Matos, de 29 anos, e Camila dos Santos, de 25, aguardavam para embarcar para Cuiabá (MT). Eles, que moram em Campo Grande, vão para tratar de negócios lá. “A gente nem tava sabendo que estava proibido. Decidimos em cima da hora”, disse ele, que informou que o casal fará uma viagem “bate-e-volta” à capital mato-grossense. 

Já o autônomo Natanael Salazar, de 61 anos, contou ao Correio do Estado, que estava a trabalho em Campo Grande. Ele aguardava na rodoviária para embarcar para Rondonópolis (MT), onde reside. 

São Paulo e Paraná são os destinos mais procurado pelo sul-mato-grossense. Nesta tarde, um ônibus com destino à capital paulista saiu de Campo Grande e outros três estão agendados para partirem para o estado vizinho no período da noite. Nesta sexta-feira (19), outros quatro farão a viagem. Já para Cascavel (PR) há três viagens programadas para hoje e mais seis para amanhã. 

 
 

O transporte interestadual estava suspenso desde o dia 24 de março, como forma de prevenir a transmissão do coronavírus e entrada de pessoas de estados que tem pico da doença na Capital.  

Conforme a nova publicação, as empresas devem seguir as regras de biossegurança determinadas anteriormente, como circulação com 50% da capacidade, distanciamento dentro dos ônibus, pulando fileira de poltrona, e uso de máscaras por todos os passageiros. Além disso, os passageiros devem passar por aferição de temperatura no embarque e desembarque.

Rodoviária também deve cumprir regramento, com entrada permitida apenas para quem for embarcar e checagem da temperatura corporal já na porta, além das medidas de higienização no terminal.

Questionado sobre a decisão, o prefeito Marcos Trad (PSD) disse que apesar de divergirem do entendimento coletivo, ela foi planejada anteriormente. “Muitas decisões divergem do entendimento e pensamento de muitos que nos acompanham, mas todas as decisões tomadas são baseadas na ciência, medicina e nosso grupo de combate a Covid-19 que instituímos em 27 de fevereiro”, explicou em transmissão ao vivo nesta quinta. 

 

Felpuda


Devidamente identificadas as figurinhas que agiram “na sombra” em clara tentativa de prejudicar cabeça coroada. Neste segundo semestre, os primeiros sinais começarão a ser notados como reação e “troco” de quem foi atingido. Nos bastidores, o que se ouve é que haverá choro e ranger de dentes e que quem pretendia avançar encontrará tantos, mas tantos empecilhos, que recuar será sua única opção na jornada política. Como diz o dito popular: “Quem muito quer...”.