Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

CLÁUDIO HUMBERTO

“A pandemia está perdendo seu vigor, isto é fato”, diz Victor Loyola

Victor Loyola, sócio e cofundador da fintech Consiga+, na BandNews TV, sócio e cofundador da fintech Consiga+, na BandNews TV
10/09/2020 08:33 - Cláudio Humberto


“A pandemia está perdendo seu vigor, isto é fato”
Victor Loyola, sócio e cofundador da fintech Consiga+, na BandNews TV

Imperial College errou todas as previsões do Covid

Em 27 de março, a Imperial College, do Reino Unido, divulgou previsão de infectados e mortos pelo coronavírus para o mundo. 

Até agosto, no Brasil, seriam 187 milhões de infectados e 1,1 milhão de mortes, dizia o mais pessimista dos cinco cenários do instituto. Ganhou as manchetes, mas era fake. 

Curiosamente, a principal voz do pior cenário da Imperial, virou “expert” contratado pelo TSE para ensinar o que é (ou não é) fake news. 

No entanto, quase seis meses depois, os resultados brasileiros estão melhores até que o cenário mais otimista da Imperial College.

Tipos de estratégia

A Imperial tem três cenários para estratégias de combate ao covid: “sem intervenções” (distanciamento etc.), “intervenção geral” ou “aprimorada”.

Melhor estratégia

A estratégia drástica (aprimorada), que isola todos e se concentra nos idosos, previa 529 mil mortos no Brasil até agosto. Foram 121 mil.

Palavras, só palavras

A Imperial também apresentou outros dois cenários que tratam do momento da adoção das estratégias de forma precoce ou tardia.

Precoce chute

Para o Imperial College, se o Brasil atacasse o covid de forma precoce, seriam 11,5 milhões de infectados. Eram 3,9 milhões no fim de agosto.

Bolsonaro estende a mão ao STF, no dia de Toffoli

Foi visto como um gesto de “mão estendida” a presença do presidente Jair Bolsonaro nas homenagens ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, na véspera da posse do ministro Luiz Fux. 

Ao atravessar a Praça dos Três Poderes e comparecer à sessão, Bolsonaro quis demonstrar a disposição de esquecer as duras críticas de 7 dos 11 ministros do STF, consideradas “cáusticas” pelo ministro Marco Aurélio, que a partir de 1º de novembro assume o posto de novo decano do STF.

Fase técnica

O próprio Marco Aurélio, que nesta quinta fará a saudação a Fux, na solenidade de posse, acha que o STF entrará numa fase mais técnica.

Mão no ar

Bolsonaro fez gesto semelhante comparecendo à posse do presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, que dias depois lhe fez duras críticas.

Em busca da harmonia

Toffoli será lembrado pelas “intrigas do bem”, nas quais é mestre, e pelo empenho por relações institucionais harmônicas entre os Poderes.

A instituição sou eu

Os discursos dos presidentes da Câmara, Senado e do STF foi mais uma manifestação da “confusão” entre as pessoas físicas que ocupam cargos e as instituições. Os três acham que são as instituições que comandam.

Codinome Lava Toga

A operação desta quarta (9), cumprindo mandados em 50 endereços, ganhou o nome de “E$quema S”, mas pode ser chamada de “Lava Toga”, pelo número de magistrados atingidos direta ou indiretamente.  

Cutucou com vara curta

Na cerimônia desta quarta no STF, o presidente Jair Bolsonaro encarnou sua melhor versão “paz e amor”. Pediu “que Deus ilumine” a todos, mas lembrou que chegou ao cargo pelo voto e eles por indicação política.

Pior que fake news

Âncora da BBC America disse ontem, com direito a legenda, que o Brasil registra “400 milhões de infectados”. Eles ignoram que isso representa duas vezes a população brasileira e 100 vezes o número real de casos.

Demora típica

Somente ontem, quase vinte dias após ser acusada de mandar matar o marido, a deputada Flordelis (PSD-RJ) foi notificada pela Corregedoria da Câmara sobre o processo no Conselho de Ética.

Debate sem fim

O “debate sem fim” da testagem do Covid, diz o New York Times, tem novo capítulo: especialistas questionam a “sensibilidade” de testes PCR, que pode ser excessiva e identificar carga viral tão pequena que não mereceria o “positivo”. A diferença nos resultados chega a 90%.

Boa notícia

O número de vencedores que superaram a covid-19 ultrapassou ontem os 20 milhões. Entre os 30 países com mais infecções, apenas a Ucrânia tem mais casos ativos que pessoas curadas, segundo o Worldometer.

Estratégia da desqualificação

Cristiano Zanin, alvo da Lava Jato, repetiu a estratégia da sua defesa do ex-presidiário Lula nos tempos de Sérgio Moro. O advogado atacou o juiz Marcelo Brêtas, acusando-o de ter ligações políticas com Jair Bolsonaro.

Pensando bem...

... não existe “tentar criminalizar a advocacia”, a ideia é neutralizar o cometimento de crimes.

PODER SEM PUDOR

O purgante e o efeito

Certa tarde, o deputado Carlos Lacerda estava na tribuna da Câmara, mais virulento do que nunca. 

Com a sua metralhadora giratória, disparava tiros em todas as direções. Foi aparteado pela deputada Ivete Vargas: “Vossa Excelência é um grande purgante!” 

E Lacerda respondeu na bucha: “Se eu sou um grande purgante, Vossa Excelência é um enorme efeito!”

 

Felpuda


Esforços vêm sendo feitos por certos candidatos derrotados na tentativa de conseguir emplacar em cargos públicos comissionados alguns ex-integrantes das equipes de trabalho da campanha eleitoral.

A preocupação não seria, na realidade, com situação de dificuldades que essas pessoas enfrentariam a partir de agora, mas, sim, para livrarem-se de pagar pendências trabalhistas referentes ao período da disputa. Tem cada uma!