Colunistas
CLÁUDIO HUMBERTO

Ministro Adolfo Sachsida (MME): "Em alguns lugares gasolina caiu mais de R$2”

Ministro Adolfo Sachsida (MME) ao comemorar o êxito continuado da redução do ICMS

Cláudio Humberto

02/08/2022 09:14

“Em alguns lugares gasolina caiu mais de R$2”
Ministro Adolfo Sachsida (MME) ao comemorar o êxito continuado da redução do ICMS

Eleitores no exterior ainda não sabem onde votar

Grupo de eleitores nos Estados Unidos está se mobilizando com base em informações não oficiais para uma viagem de quase 4h para votar nas eleições de outubro. 

O martírio se explica porque a dois meses da votação do primeiro turno, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda não divulgou os locais, e o eleitor que busca a informação no site do órgão é levado a um mapa que foi tirado do ar ou a uma página que não existe.

Previsão legal

O Código Eleitoral prevê a votação no exterior onde houver “o número mínimo de 30 eleitores”, normalmente no consulado ou Casa Brasil.  

Já é difícil...

Em 2018, havia mais de 500 mil eleitores aptos a votar no exterior, mas a abstenção foi de 59%. Pelo zelo apresentado, a tendência é piorar.

Curiosidade

A votação no exterior só é possível nas eleições presidenciais e o PT perde em todas. Em 2018, Bolsonaro teve o melhor desempenho: 59%.

Cada eleitor por si

Questionado, já que votar no exterior requer preparação para a viagem, o TSE passou a bola ao TRE-DF, que garante a divulgação amanhã.

Marques mostra prestígio nas escolhas para o STJ

A escolhas de Messod Azulay Neto e Paulo Sérgio Domingues para ministros no Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirma o prestígio do ministro Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), junto ao presidente Jair Bolsonaro. 

E nada tem a ver com a intriga de que o ministro Gilmar Mendes foi ignorado em sua indicação por ser “inimigo” de Nunes Marques. Ambos os ministros mantêm ótimas relações desde quando foram apresentados pelo próprio Bolsonaro, em outubro de 2020.  

Decano prestigiado

Quando Bolsonaro se decidiu por Nunes Marques para o STF, levou-o de carro à casa de Gilmar para apresentações e ganhar “ok” do decano.

Meia surpresa

Gilmar e “a torcida do Flamengo” apoiavam Ney Bello, juiz do Tribunal Regional Federal da 1ª Região. Mas sua exclusão foi uma meia surpresa.

Fica para próxima

O próprio Bello não se surpreendeu. Ele até tentou, mas não conseguiu se aproximar de Nunes Marques a tempo de reverter o desfecho.