Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

GIBA UM

“Médico não abandona paciente, mas o paciente troca de médico”

de JAIR BOLSONARO, presidente do país, irritado com a entrevista de Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde, no Fantástico
15/04/2020 05:00 - Giba Um


“Médico não abandona paciente, mas o paciente troca de médico”,  
de JAIR BOLSONARO // presidente do país, irritado com a entrevista de Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde, no Fantástico.

O portal Covid-19 Brasil, que reúne cientistas da USP e da Universidade de Brasília, entre outras, estima que a infecção por coronavírus já tenha atingido mais de 313 mil pessoas no país.

Mais:  o país é um dos países que menos testam no mundo, mesmo sendo o 14º mais afetado oficialmente. Dia 11 de abril, o nº de infectados calculados pelos cientistas era 15 vezes maior do que o oficial.  

 
 

Viver na simplicidade

A atriz Taís Araújo, que vive Vitória em Amor de Mãe é capa e recheio da revista L’Officiel Brasil. Foi fotografada uma semana antes da quarentena e fala um pouco sobre este distanciamento social. Diz que o melhor aprendizado é saber como viver na simplicidade e que saúde é fundamental nessa vida, além de afeto e a preocupação com o outro. Conta também como está a rotina neste isolamento. “Está uma rotina pesada de trabalho. Moro em uma casa grande e todos os funcionários foram liberados. Estamos, eu e Lázaro, dando conta da casa toda e mais das crianças, que estão tendo aula online. Mas estamos sobrevivendo e agradecemos todo dia”.  Com uma irmã médica ela acredita que o maior desafio é conseguir preservar vidas. A atriz acredita que é necessário pensar mais nas vidas “pensamento não só capitalista, mas humanista” e que tem certeza de que vão encontrar um caminho para economia não quebrar

Longe Demais

Os ministros Braga Netto (Casa Civil) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria do Governo), responsáveis pela manutenção de Luiz Henrique Mandetta no Ministério da Saúde, não gostaram da entrevista dele no Fantástico de domingo (12). Acharam que ele exagerou na dose de provocação e “foi longe demais” no confronto com Bolsonaro, ao contrário do que tinha sido acordado. Mandetta desafiou o presidente várias vezes. Reclamou de quem é contra a quarentena, de quem continua “indo à padaria” e desmentiu essa história de que o vírus “está começando a ir embora”. E disse ainda que, em seu ministério, ninguém pegou o coronavírus (enquanto o Planalto já teve 20 infectados). Mandetta sabia que “estava indo longe demais” e sabia que os dois generais tinham poder de desligá-lo a qualquer momento. Mas, quis mostrar que não é capacho de ninguém, quis marcar posição e, se for demitido, sai por cima como vítima de um chefe que o inveja. Sai como mártir, deixando claro de que, mesmo comandando a guerra contra o vírus, foi mais do que sabotado até agora. Se ficar, pode encher o peito e tem pela frente o pico da epidemia, que é muito mais complicado do que o ciúme do Capitão.

 
 

Além da amizade

Demi Moore resolveu mais uma vez compartilhar outra foto com seu ex-marido Bruce Willis, que está na sua casa no período de quarentena.  Na legenda: “Clube do Livro da Família... Como Governar o Mundo do seu Sofá - Edição de Quarentena”. Junto deles estão as três filhas, Rummer, de 31 anos, Scout, de 28, e Talullah, de 26, além dos namorados delas. Bruce é casado com Emma Willis e tem duas filhas Mabel, 7 anos e Evelyn, 5 anos. Está longe da nova família porque estava gravando um filme e preferiu preservar a saúde das filhas pequenas. E sua atual esposa não vê nada de mal e até elogia a amizade dos dois.

Inadimplência

Além do impacto da Covid-19 na atividade econômica, a inadimplência ronda a receita dos Estados. A arrecadação de abril referente às operações de março, vão de queda, de 19% a 32% e redução do valor em notas fiscais emitidas, mas também no atraso no pagamento do ICMS devido. Para a inadimplência, as projeções apontam altas que elevam taxas históricas de 4% ou 5% para níveis de 10% ou 20% em alguns Estados sobre ICMS devido.

In – Inverno: Vestidos tubinho mangas cumpridas
Out – Inverno: Vestidos tubinho de alças.

 
 

Alegorias

Em meio à guerra contra a pandemia (e contra Bolsonaro), Mandetta ainda encontra tempo e fôlego para colocar algumas alegorias em suas falas. Um dia, trecho de Drummond: “No meio do caminho havia uma pedra/ Havia uma pedra no meio do caminho”. Depois, citou “Argumento” de Paulinho da Viola: “Faça como o velho marinheiro que durante o nevoeiro, leva o barco devagar”. E emendou: “É um mar revolto, vamos passar de marcha lenta”. E disse ter lido Mito da Caverna de Platão. É uma metáfora à condição humana. Leu mais de 20 vezes e não entendeu nada.

Olho nos idosos

O líder em envelhecimento no mundo em 2020 é o Japão, com 28,4% da população idosa, seguido da Itália com 23,3%. Territórios mais ricos tendem a apresentar maior proporção de população envelhecida e o Brasil, na média, situa-se numa posição intermediária, mas que muda segundo o extrato da renda. É estudo da FGV Social, “Onde estão os idosos?”, de Marcelo Neri. Grupo mais vulnerável à pandemia, idosos brasileiros levam alguma vantagem em relação a muitos países ricos atingidos pela crise da saúde. Eles estão mais bem posicionados na distribuição da renda, o que significa mais conforto na compra de itens e serviços médicos.

QUEM SÃO

A consultoria iDados fez um perfil de quem são os brasileiros inscritos no Cadastro Único – uma das condições para receber os R$ 600 de renda básica emergencial. Em dezembro de 2018, havia 25 milhões de famílias cadastradas (só metade delas recebe o Bolsa Família), num total de 68,4 milhões de pessoas – um terço da população do país. A média de integrantes de cada família é de 2,7 pessoas. Do total, 40 milhões tinham mais de 18 anos. A renda família era de R$ 285 por integrante. E havia 2,6 milhões de família com renda zero.

Salvador da pátria

Alguns hospitais estão usando cloroquina logo no início do tratamento de seus pacientes que, contudo, devem aprovar antecipadamente a decisão dos médicos. Bolsonaro, quando fala na televisão que a cloroquina pode salvar milhares de vidas, joga um lance perigoso, pretendendo aparecer como “salvador da pátria”. Historicamente, como se sabe, pobres do país que precisam de salvadores da pátria e Mandetta, até por acordo com militares, premia o uso de cloroquina, com permissão dos pacientes. E há quem aposte que Bolsonaro está dando falsas esperanças aos brasileiros.

SEM PRIMÁRIAS

Wilson Witzel está apoiando, ao mesmo tempo, diversos pré-candidatos à prefeitura do Rio e dividindo o PSC. Mentor político de Witzel, o Pastor Everaldo, quer acabar com essas “primárias” e definir o quanto antes o nome do candidato, antes que a disputa provoque mais baixas no partido. Há dias, o ex-presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro trocou o PSC pelo PSD de Gilberto Kassab e pode sair candidato. Witzel já lançara Rabello e depois, tratou de queimá-lo.

Com algemas

Primeiro, a GCM do Rio prende uma mulher de biquini que passeava sozinha pela praia usando a força e segurando-a fortemente. Agora uma mulher é presa pela GCM de Araraquara: estava sozinha, num banco da praça vazia e foi levada  - surpresa – algemada e carregada, enquanto esperneava e xingava João Doria. As redes estão recheadas dessas cenas que as TVs não mostram.

Queimadas

Em meio à crise do coronavírus, governadores da Região Norte estão pleiteando ao vice-presidente Hamilton Mourão, coordenador do Conselho da Amazônia, cerca de R$ 500 milhões para ações de combate a queimadas. “De onde” e “se” o dinheiro vai sair ninguém sabe (a segunda opção é mais cotada). A única certeza é que o calendário aponta para a chegada de um momento crítico: em maio, começa o regime de seca na região, quando a incidência de fogo na Floresta Amazônia dispara.

PULOU DO BARCO

A deputada estadual Janaína Paschoal, que quase vira vice de Bolsonaro na campanha, acaba de saltar do barco bolsonarista, dizendo que o presidente “tem comportamentos infantis e irresponsáveis” e que a atual crise do coronavírus mostra que ele “não tem grandeza para presidir o país”. Há três semanas, Janaína já fizera discurso da Assembleia Legislativa de São Paulo, dizendo que Bolsonaro deveria deixar o cargo. Uma das responsáveis pela queda de Dilma, ela recebeu dois milhões de votos sendo a recordista nacional e superando Eduardo Bolsonaro.

MISTURA FINA

  • OS generais Braga Netto, o “interventor soft” e Luiz Eduardo Ramos estão na dúvida: Mandetta sair à essa altura do campeonato seria uma dupla tragédia, para a estratégia de driblar o coronavírus e o desgaste do governo. E por outro lado, deixá-lo onde está lhe dará mais força na posição – e nos atos – embora Mandetta não planeje nenhum novo ataque – nem por ironias.
  • SEGUNDO o Itamaraty, os países do Mercosul estão negociando um acordo emergencial para a livre circulação de equipamentos médicos e artigos hospitalares, com suspensão temporária das respectivas salvaguardas.
  • QUESTIONADO sobre a entrevista de Luiz Henrique Mandetta à Globo, no Fantástico, onde sofreu um contra-ataque do ministro da Saúde, Jair Bolsonaro foi curto e grosso: “Eu não assisto à Globo”. Mas, já conversara com os generais Braga Neto e Luiz Eduardo Ramos.  
  • NO Rio tem um sistema que informa a ocupação de cada hospital em tempo real. Nesses dias, a taxa de ocupação era de 53%. O problema é que não há insumos suficientes e tampouco recursos humanos para atender os leitos vagos.
  • A CSN vai paralisar um dos dois altos-fornos da usina de Volta Redonda – e é só o começo. Além do lockdown da indústria automotiva, medidas ainda mais duras deverão ser tomadas.
  • O PRÉ-candidato à prefeitura de São Paulo, Andrea Matarazzo (PSD), ex-secretário municipal, ex-vereador e ex-tucano, está condenando a decisão do prefeito Bruno Covas de não isentar o cidadão do IPTU. Acha que é uma “visão velha e preconceituosa e além de tudo, “a prefeitura está com R$ 18 bilhões em caixa” e não sabe direito o que fazer com o dinheiro.
  • MAIOR loja de departamentos o Brasil, a Havan vai suspender por dois meses o contrato de 11 mil funcionários. É a única saída encontrada por Luciano Hang, o Capitão Brasil. Ao todo, a rede varejista de Brusque emprega 22 mil pessoas em suas lojas espalhadas pelo país. A medida atinge principalmente as lojas que estão fechadas. Em Santa Catarina, o comércio de rua foi autorizado a reabrir suas portas. Alguns funcionários estão em férias e outros trabalhando em regime de home office.

Felpuda


Pré-candidato a prefeito de Campo Grande divulgou vídeo em que político conhecido Brasil afora anuncia apoio às suas pretensões. O problema é que o tal líder já andou sendo denunciado por mal feitos em sua trajetória, sem contar que o pai do dito-cujo teve de renunciar ao cargo de ministro por ter ligações nebulosas com empresa de agrotóxico. Depois do advento da internet, essa coisa de o povo ter memória curta hoje não passa de coisa “da era pré-histórica”.