Clique aqui e veja as últimas notícias!

CLÁUDIO HUMBERTO

Ministro Tarcísio Freitas: “Não adianta torcer contra. O Brasil vai dar certo”

Ministro Tarcísio Freitas (Infraestrutura) sobre o recorde de empregos em novembro
24/12/2020 11:00 - Cláudio Humberto


“Não adianta torcer contra. O Brasil vai dar certo”
Ministro Tarcísio Freitas (Infraestrutura) sobre o recorde de empregos em novembro

Doria fugiu da ‘má notícia’, mas teve de voltar

O governador paulista João Doria escolheu tão mal o início da licença em Miami, Estados Unidos, que acabou convencendo os adversários de que sua intenção era estar bem longe, a 6.560km de distância, quando na coletiva desta quarta (23), seria anunciado que a sua Coronovac, com presumíveis 50% de eficácia, não é assim nenhuma Pfizer (95%). 

Não chega nem ao nível da russa Sputnik (90,5%). Ele só não contava com o imponderável: seu vice com covid forçou seu retorno à vida como ela é.

Eficácia de 50%

O percentual ainda será oficializado, mas o Butantan indica o que o Wall Street Journal noticiou na segunda (21): a eficácia da vacina é de 50%.

Tanto pela metade

Evaldo de Araújo, infectologista do Hospital das Clínicas da USP, diz que se isso for confirmado, a chance de imunizar uma pessoa será de 50%.

Novo atraso

O presidente do Butantan, Dimas Covas, deu outra má notícia: o pedido de registro da vacina da Anvisa será realizado apenas dentro de 15 dias.

Aposta na qualidade

O infectologista diz que tudo é muito frustrante: “Ficou muito feio, muito ruim”. Sugere aposta do Brasil em vacinas de eficácia próxima de 100%.

Caged: ‘pandemia Dilma’ foi pior para empregos

As contratações recordes em novembro fizeram o mercado superar as perdas de vagas formais durante a pandemia e o Brasil já tem 227 mil vagas formais criadas em 2020, segundo dados do Caged.

A previsão no governo é que a alta continue em dezembro e o ano feche com algo em torno de 500 mil empregos criados. Em conversas reservadas, a equipe econômica lembra o quão grave foi a “pandemia Dilma”, entre 2015 e 2016, quando o Brasil perdeu 2,86 milhões de vagas formais.

Baque foi grande

Novembro foi o 5° mês seguido de alta na criação de empregos, mas as 414 mil novas vagas são menos da metade das perdas de abril.

Pandemia duradoura

A pandemia Dilma custou 1,54 milhão de empregos e queda de 3,5% do PIB em 2015 e 1,32 milhão de empregos e -3,3% no PIB em 2016.

Pandemia ainda pune

Com o isolamento, quem trabalhava de forma autônoma foi em busca de emprego e isso se refletiu na PNAD Covid: 14,2% de desemprego.

Conta outra, excelência

O pedido de “reserva” de 7 mil vacinas formalizado pelo Supremo Tribunal Federal contém um primor de caradurismo. Diz que a iniciativa é a “contribuição” do STF para o enfrentamento da covid. Virou piada.

Casta superior

Após a reserva de doses da vacina para integrantes de tribunais superiores, o ex-secretário de Desestatização Salim Mattar, protestou: “De fato, temos cidadãos de primeira e segunda categorias”.

DEM líder de esquerda

Estão na comissão representativa do Congresso Orlando Silva (PCdoB-SP), espécie de ajudante de ordens de Rodrigo Maia, Rubens Otoni (PT) e Alessandro Molon (PSB-RJ), todos obedientes ao ainda presidente.

Admissão sob tortura

O governo português contou uma lorota, para desqualificar testemunhas brasileiras da brutalidade do seu Serviço de Estrangeiros e Fronteiras: que elas queriam trabalhar ilegalmente no país, por isso foram barradas. Só não contou que as brasileiras foram coagidas a admitirem isso.

Destino seguro

A secretária de Turismo do DF garante que Brasília é um destino seguro para turistas, em razão das medidas restritivas adotadas pelo governador Ibaneis Rocha. “A cidade saiu na frente nas medidas de segurança”, diz.

Demais

Segundo a deputada estadual Janaína Paschoal (PSL-SP), a prisão do jornalista Oswaldo Eustáquio é “muito pesada”. “Não consigo ver elementos para as sucessivas prisões desse rapaz. Que país!”, disse.

Menos ruim

A análise consolidada trimestral da conjuntura econômica brasileira, divulgado pelo Ipea, fechada em setembro, previa queda de 5% no PIB deste ano, mas a estimativa foi revisada para 4,3%.

Boas Festas

A equipe da coluna agradece e retribui os votos de Feliz Natal enviados por muitos leitores e colaboradores, que, neste ano tão difícil, reforçaram a condição de razão e fim do nosso trabalho.

Pensando bem...

...nos colégios, média de 50% significa reprovação. Já nas vacinas...

PODER SEM PUDOR

Maioridade penal radical

O ministro Sepúlveda Pertence presidia o Supremo Tribunal Federal, em 1996, quando visitou a Universidade do Texas, em Austin. Ao ser recebido pelo então governador, George W. Bush reclamou das dificuldades da democracia e relatou um diálogo áspero com parlamentares texanos sobre a fixação de idade penal mínima para alguém ser preso e processado. 

“Eu queria que fosse 10 anos”, vangloriou-se Bush ao perplexo Pertence, “mas eles insistiram e eu transigi, aceitando a idade mínima de 14 anos!” À saída do encontro, o ministro Sepúlveda Pertence desabafou: “E pensar que viajei tantas horas para ouvir uma coisa tão absurda assim...”