Clique aqui e veja as últimas notícias!

CLÁUDIO HUMBERTO

Ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro: “Não há prova da autenticidade das mensagens”

Ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro, sobre supostas mensagens roubadas por hackers de celulares de membros da força-tarefa da Lava Jato
05/02/2021 07:00 - Cláudio Humberto


Estatais inúteis sugam R$17 bilhões do Tesouro

Dezenove estatais federais dependentes do Tesouro Nacional para pagar suas contas receberam em 2019 mais de R$17 bilhões retirados do bolso de quem paga impostos. A maioria dessas estatais é deficitária, mesmo recebendo subvenções bilionárias, segundo atestou a Secretaria de Desestatização do Ministério da Economia. 

Apesar de deficitários, esses centros de ineficiência continuam concedendo generosos penduricalhos, benefícios, auxílios e bônus a diretores e funcionários.

Listão do desperdídio

Sugam recursos do Tesouro as estatais Amazul (ligada à Marinha), CBTU, Ceitec, Codevasf, Conab, EBC, CPRM e outras dispensáveis.

Não deixariam saudades

Entre as sanguessugas estão Ebserth, EPL, GHC, HCPA, INB, Nuclep, além de Imbel, Telebrás (“extinta” por FHC), Trensurb e Valec

Piada sem graça

A Ceitec S/A simboliza o absurdo: até teve sua liquidação iniciada, mas a Justiça condenou o Brasil a continuar sustentando essa inutilidade.

Últimas notícias

Me engana que eu gosto

Estatal de “tecnologia avançada” (sic), a Ceitec diz ter pessoal “altamente capacitado”, mas paga benefícios para cursos profissionalizantes.

Mesa da Câmara abre caminho a ‘voto de assessor’

Trocando em miúdos, a longa lista de resoluções na reunião da mesa diretora da Câmara, nesta quinta-feira (4), deixou claro que nas votações realmente importantes serão confiáveis para os deputados apenas a urna e a cédula de papel. 

Já outras deliberações “menos relevantes” podem ser votadas remotamente. Mas, na vida como ela é, a maioria dos parlamentares passa a senha para assessores de confiança, que votam pelos legisladores, e estes permanecem no conforto do home-office.

Vida como ela é

Na prática, é assim: o parlamentar instrui seu preposto: sempre a favor do Executivo se for governista ou sempre contra, caso seja de oposição.

Sozinho não vai

Temendo envolvimento em escândalos, com o rastreamento de voto, assessores acabarão compartilhando a senha com colegas do gabinete.

‘Domínio público’

Com a permanência de suas excelências no conforto da base, sua senha eletrônica será de domínio também dos escritórios políticos nos estados.

Velho cacoete

Condenado por corrupção e outras maracutaias, o ex-presidiário Lula segue a estratégia de desqualificar quem o investiga, denuncia e julga. Como observou certa vez o então presidente do STJ, João Otavio de Noronha, curiosamente, Lula nunca contesta as provas abundantes.

Fim da malandragem

Entre as 34 proposições que Bolsonaro elencou como prioridades para o Congresso em 2021, está o projeto que acaba com antiga malandragem no serviço público: abonos, adicionais etc. que driblam o teto salarial.

Chovendo no molhado

Heitor Freire (PSL-CE) apresentou projeto de lei para permitir a quebra de patente das vacinas contra a covid, para serem fabricadas no Brasil. Não precisa. Tratado no âmbito da Organização Mundial do Comércio permite a quebra temporária de patentes em caso de emergências.

Nem o básico

Bastou retirar Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre de suas cadeiras e a comissão de Orçamento será criada. Os ex-chefes do Congresso nem sequer instalaram a comissão porque priorizaram a briga com Bolsonaro.

Finalmente, trabalho

O novo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), marcou para a próxima terça-feira (9), às 10h, a primeira reunião do Colégio de Líderes, após a eleição da nova composição da Mesa Diretora.

Top 3 do petróleo

A produção de petróleo no Brasil superou, em 2020, a dos Emirados Árabes, terceiro maior produtor do mundo. Foram produzidos 2,94 milhões de barris por dia, contra 2,78 milhões do país árabe. 

O Brasil agora só produz menos petróleo que a Arábia Saudita e o Iraque.

Exemplo

Única democracia do Oriente Médio, Israel superou ontem a marca de mais de 60% da população vacinada. É quase quatro vezes a proporção da população vacinada do Reino Unido, que imunizou mais de 15%.

Caso de sucesso

O Podemos, ex-Partido Trabalhista Nacional (PTN), é um fenômeno no Senado. Quase duplicou a bancada de cinco para nove senadores em relação ao início da legislatura e já é maior que o tradicional PSDB.

Pensando bem...

...sem força no Congresso, a oposição vai acampar no STF até 2022.

PODER SEM PUDOR

Despacho a jato

Governador da Paraíba, Ernane Satyro estava impaciente: ainda teria de receber um prefeito e já estava atrasado para um compromisso. Seu chefe de gabinete teve o cuidado de pedir ao prefeito que objetivasse a conversa: “Vá direto ao assunto e seja breve. 

O governador é muito objetivo.” Já diante do governador, o prefeito disse: “Vim tratar sobre dois assuntos. Eu sei que o sr. é objetivo e prático...” Satyro interrompeu a conversa: “Muito bem, amigo velho, diga então qual o segundo assunto!”

Assine o Correio do Estado