Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CLÁUDIO HUMBERTO

“Não poderia ser diferente com o agronegócio”

Ministra Tereza Cristina (Agricultura) sobre as medidas de combate ao coronavírus
10/04/2020 04:00 - Cláudio Humberto


“Não poderia ser diferente com o agronegócio”

Ministra Tereza Cristina (Agricultura) sobre as medidas de combate ao coronavírus

Burocracia invencível expõe milhares ao vírus 

A ideia do coronavoucher de R$600 por pessoa ia bem até que entrou em cena a conhecida burocracia brasileira, adotada por políticos para criar dificuldades a fim de que eles possam “vender” facilidades. O vice-presidente da Caixa Paulo Henrique Angelo foi o primeiro a deixar claro que ele só seria pago a quem, além de vários requisitos, estivesse com o CPF regular. Menos de 24h depois, houve aglomeração de milhares de brasileiros em frente a agências da Receita, todos expostos ao vírus.

Piorou tudo

O coro dos burocratas engrossou quando o ministro Onyx (Cidadania) disse que ia seguir exatamente o que prevê a lei. “CPF regular”, disse.

Mundo da fantasia

Angelo falou em usar a internet na regularização, sem se dar conta que mais da metade das pessoas das classes D e E não acessa a internet.

Mundo real

Segundo pesquisa TIC Domicílios, apenas 48% dos lares mais pobres, justamente quem vai precisar do coronavoucher, estão conectados.

Bandido até provar o contrário

Em vez da máxima de que a pessoa é inocente até que se prove o contrário, burocratas puseram preocupação com fraude acima da vida.

Empresas sobem preço de máscaras até 3.000%

Profissionais médicos estão indignados com aumentos abusivos de até 3.000% nos preços das máscaras simples. No DF, duas distribuidoras, Apolo e Brasil, elevaram o preço da caixa com 50 unidades, que era de cerca de R$6 em janeiro, para até R$192 em março. As distribuidoras culpam a fábrica, que por sua vez culpa os chineses, mas a verdade é que o preço abusivo pode inviabilizar cirurgias e outros procedimentos.

Culpa dos chineses

A Medix, importadora das máscaras, afirmou que até reduziu a margem de lucro e culpou a China: “aumentou os preços em mais de 4.000%”. 

Todos iguais

A disputa por equipamentos para combate ao coronavírus também é travado em âmbito internacional com países fazendo leilão por insumos

Denúncia feita

O ministro Mandetta (Saúde) disse que há fornecedores oferecendo pagar mais caro e ainda cobrir as multas para atravessar encomendas.

Benefício amplo

É do líder do PSC na Câmara, André Ferreira (PE), o projeto aprovado ontem que descomplica o acesso dos mais pobres à tarifa especial de energia elétrica. A medida beneficiará cerca de 13 milhões de famílias.

Tititi em dia morno

Em conversa supostamente vazada, Onyx Lorenzoni e Osmar Terra concordam que Mandetta “está se achando”, o que é verdade, e o ministro da Cidadania afirma que, “se fosse o presidente”, demitiria o ministro da Saúde. Mas o presidente é outro. Noves fora, nada.

Futrica de político

Político falando mal de outro, sobretudo daquele que aparece mais, é tão comum em Brasília quanto madames futricando em salões de beleza contra as outras. Qual a importância disso? Zero. Mas anima bate-papos.

Hospitais vazios

Paciente de coronavírus em Brasília, que recebeu alta nesta quinta (9), após passagem pela UTI e tratamento à base de hidroxicloroquina, saiu impressionado: “os hospitais ainda estão vazios e ociosos”.

Máquina não erra

Sobre a validade dos dados do Covid19, ministro da Saúde diz que os dados são amparados por “comissão científica”. Marromenos: são amparados no Excel, que soma os números das secretarias de Saúde.

Lobby legislador

Há um ano, o Conselho Federal de Medicina proibiu consultas médicas virtuais, agora aprovadas no Senado. Está por trás dessas “consultas virtuais” o lobby de empresas que ganham dinheiro com prescrições médicas, vendendo dados dos pacientes a farmácias e planos de saúde.

Bolsonaro x Trump

Após muitas críticas, o governo brasileiro iniciou o pagamento do coronavoucher um pouco antes do auxílio prometido aos americanos pelo governo Trump. Se aqui a previsão é pagar todos em até 45 dias, nos EUA, há quem só vai receber o cheque, pelo correio, em setembro.

Conta não fecha

Tal como nos combustíveis, o governo promoveu a queda da taxa Selic ao menor nível da história, mas não chega ao consumidor. Segundo a Anefac, o juro médio para pessoa física subiu de 95,82% para 96,49%.

Pensando bem...

...a dupla Onyx Lorenzoni e Luiz Henrique Mandetta, ambos do DEM, não será o primeiro “casamento” que acaba por descuido com o celular.

PODER SEM PUDOR

Carcereiro gentil

Preso em 1964, Francisco Julião, das Ligas Camponesas, foi metido num cubículo da 2ª Companhia de Guardas, no Recife. Ele não passava bem e um oficial do Exército chamou um médico, que prescreveu apenas alimentação decente. Gentil, todos os dias o militar “contrabandeava” um litro de leite para Julião. E ainda lhe fez uma surpresa: levou-o para o banho, certo dia, para um inesperado encontro com outro preso político, Paulo Freire. Trocaram abraço, palavras, força. O oficial, o alagoano Carlito Lima, relatou a história em seu livro “Confissões de um capitão” (Garamond, Rio), prefaciado pelo ex-líder estudantil Vladimir Palmeira.

___

Com André Brito e Tiago Vasconcelos

        www.diariodopoder.com.br

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.