Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

GIBA UM

“Estupro é o único crime em que a vítima é quem sente vergonha”

ANA PAULA ARAÚJO // em seu livro Abuso: a cultura do estupro no Brasil.
06/10/2020 05:00 - Giba Um


O suplício de integrantes da Polícia Militar em todos Rio, poderá ser atendido. Devido as reclamações, estudo algo para readequar a farda na época do calor, tirando colete à prova de balas e até coturnos.

Mais: a PM já pensa em modelos mais leves e confortáveis. Uma nova farda precisaria de um tecido mais leve, bermudas e tênis no lugar de sapatos. Tecidos com fibras naturais e mais claro seriam ideais.

In – Camisetas com frases motivacionais

Out – Camisetas com frases engraçadas

 
 

Sempre Ivete

A cantora Ivete Sangalo, 48 anos é uma das mais queridas do mundo musical. Já se arriscou como atriz ao interpretar Maria Machadão em Gabriela (2012).

Sempre com agenda lotada teve que se reinventar nesta pandemia e foi uma da primeira a ver uma live.

Diz que neste tempo de pandemia o ser humano não teve outra alternativa senão se conectar consigo mesmo e com as pessoas mais próximas. Ela disse que conseguiu reavaliar uma série de comportamentos.

Com uma experiência anterior (comandou Superbonita (GNT) por dois anos) e agora está à frente série especial no Instagram da Natura Brasil onde fala sobre cuidados e auto estima todas terças- feiras.

Mais: na sexta feira (2) lançou o clipe Dura na queda que já tem quase 3 milhões de visualizações, que ela mesmo dirigiu; “Essa música é linda. Queria cantar algo que me deixasse leve neste momento de quarentena.

Decidi dirigir o clipe. Foi demais poder colocar uma visão sobre mim no script! Adorei o resultado”. Ivete também está à frente da campanha da Plié Lingerie.

Regalias federal

Enquanto se cobra um país mais justo com o corte de regalias e penduricalhos do serviço público, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia prega uma reforma administrativa que não corta privilégios e terá efeitos práticos no futuro. 

Serão gastos R$ 358 milhões este ano com auxílio-moradia, assistência médica e odontológica e outros benefícios tidos como “obrigatórios”. 

No caso da assistência médica e odontológica, os gastos previstos são de R$ 116,1 milhões até o final do ano. 

Cada deputado recebe R$ 33,7 mil e a cota de R$ 45 mil mensais para gastar como quiser, fora moradia de R$ 4,2mil de auxílio-moradia. 

Mais: a pandemia forçou alguns cortes de despesas governo federal. As viagens “à serviço” bancadas com dinheiro público, que engordam salários, despencaram quase R$ 767 mil em 2019 para R$ 171 mil neste ano (redução de 77,2%).

 
 

Os bourne na banheira

Sharon Osbourne, 67 anos, está aproveitando esta pandemia para se divertir e aos seu fãs também, postando fotos e vídeos engraçados em seu Instagram. 

Só que ela surpreendeu, ao postar no sábado uma foto dela e do marido Ozzzy Osbourne, 71 anos na banheira. 

Casados desde 1982 tiveram três filhos Aimee, de 37 anos, Kelly, de 35, e Jack, de 34 e atualmente estão isolados de todos. 

Sharon garante que a vida sexual continua, não no mesmo ritmo do começo do casamento. “Todos nós sabemos que sempre abusamos do sexo, isso não é segredo. 

Ele se mantinha suficiente para todas as vezes... Mas está diminuindo. Costumava ser três vezes por dia, e é muito menos agora. Digamos algumas vezes por semana. O que é normal em um relacionamento longo, longo”.

Cotoveladas

A troca de cotoveladas entre Paulo Guedes e Rodrigo Maia não são apenas baixaria de quem tem mais o que fazer. 

O ministro não é do ramo e deixou escapar algo que em política não deve ser manifestado antes do tempo: o deputado já não intimida o governo. 

Restam quatro meses a Maia na presidência da Câmara , com eleição, festas de fim de ano e recesso. 

Meio a orientação geral do Planalto aos ministros e apoiadores é ter paciência e apenas esperar o fim do mandato de Maia.

 
 

De fora

Aos que pediram uma declaração de apoio, Sérgio Moro já avisou: não vai participar das eleições municipais. Nada de vídeos ou fotos. 

Um dos frustrados é o Podemos, que tentou atrelar sua imagem à do ex-juiz, filiando parlamentares e candidatos defensores da Lava Jato, com olhos nas eleições deste ano.

O fator Pix

Desenhado como meio de pagamentos instantâneo, o Pix terá um impacto muito mais profundo no mercado financeiro do que a mera possibilidade de fazer transações em tempo real. 

O sistema que atrai empresas de vários setores, de serviços públicos à varejistas, derruba maneiras de entrada, viabiliza novos modelos de negócios e embaralha empresas financeiras de qualquer outro setor na disputa pelas transações dos clientes. 

O resultado será a bancarização de até 30 milhões de pessoas – o equivale a dois terços do número de brasileiros “sem conta”, estimado antes da pandemia.

TV PARA TCU

O Tribunal de Contas da União fiscaliza as contas dos governos e outra entidades com rigor que não parece ao aplicar despesas próprias. 

Agora, por exemplo, a TV por assinatura será por conta do contribuinte para “atender godos os pontos demandados”. 

Isso tudo inclui, segundo o tribunal, além da comunicação social e dos gabinetes dos ministros, e das “salas das autoridades”. Nove ministros e 22 pontos de TV, incluindo canais internacionais.

Despedida

Juristas e ministros do Supremo vivem a expectativa de despedida do ministro Celso de Mello, em longo voto expondo o que pensa do depoimento presencial de Jair Bolsonaro sobre “interferências” na Polícia Federal. 

Seria o “canto do cisne” que o decano faria um libelo “devastador” endurecendo as suas recentes apoplexias contra o chefe do governo e Estado do Brasil. 

Depois de comparar Bolsonaro a Hitler e dizer que seus seguidores “odeiam a democracia”, fica difícil imaginar palavras mais duras. 

DUAS FRENTES

O governo acionou plano cirúrgico e trabalha em duas frentes para tornar a Renda Cidadã realidade e dar dinheiro a quem precisa. O líder da Câmara, Ricardo Barros (PP-PR) trabalha junto a líderes para a aprovação da reforma tributária e o líder do Congresso, Eduardo Gomes (MDB-TO) foca nas conversas com o relator do Orçamento do ano que vem.

Disputa

Começou o que acontece sempre: dados conflitantes nas eleições municipais. Em São Paulo, Celso Russomano está disparado na frente de Bruno Covas e quase empatados (XP). 

No ibope Russomano está distante de Bruno Covas em segundo. No Rio, Eduardo Paes tem 27% e Marcelo Crivella 12%. Benedita é a sétima e Martha Rocha tem 8% no Ibope. Em outra pesquisa Paes e Crivella estão quase empatados na liderança.

Estremecidos

O pastor Silas Malafaia fez duras críticas a indicação do nome Kássio Nunes para ocupar a vaga de Celso de Mello no STF. 

“Meu presidente, com todo o respeito, como é que o senhor vai indicar um cara para o STF nomeado por Dilma, amigo da petralhada, com posições socialistas. 

É uma decepção geral. O senhor está colocando um camarada que atende o centrão, o PT e a esquerda”. Jair Bolsonaro não se abalou e respondeu: “Está mantido o nome dele. 

A menos que tenha um fato novo gravíssimo contra ele, que tudo indica que não tem, eu revi muito a vida dele. Ele vai para o Supremo. 

Agora, é uma covardia o que estão fazendo com ele”. A amizade parece ter ficado estremecida.

QUEM MANDA

Ainda sobre a confirmação do nome de Kássio Nunes para o STF: Jair Bolsonaro disparou: “Essa infâmia que essa autoridade lá do Rio de Janeiro está fazendo contra o Kassio é uma covardia. 

Até porque ele queria que eu colocasse um indicado por ele. Com todo respeito o presidente sou eu. 

Eu não tenho cabeça dura não. Eu volto atrás em decisões minhas. Mas essa decisão é crucial para mim”.

 

MISTURA FINA

  • A CIUMEIRA volta a cercar o gabinete do vice-presidente Hamilton Mourão. O problema é que o general é bem mais inteligente e muito mais claro ao falar do que o Capitão. E fala todos os dias. Bolsonaro simplesmente odeia isso.
  • O BRASIL subiu seis posições e passou para 51ª colocação entre 63 países no Ranking Global de Competitividade Digital elaborado pela IMD, escola de administração de Lausanne, na Suíça. Contudo, a melhora no ranking não esconde um “apagão humano” de brasileiros, com a segunda carência de mão de obra digital (62ª posição) entre os países pesquisados. Somente a Venezuela é o pior nesse indicador.
  •  O DEPUTADO José Medeiros é candidato predileto do Planalto na eleição suplementar em Mato Grosso. Entre pontos de conexão tem atacado os críticos à política ambiental do governo Bolsonaro. Entre os analistas, é a esquerda amplificando os interesses das ONGs globais. No que depender do Planalto, está eleito. 
  • A ELEIÇÃO em Porto Alegre viu sumir a estrela do PT, o 13 e até o vermelho escureceu. O ex-ministro Miguel Rosseto virou vice de Manuela D’Ávila do PCdoB e sumiu em qualquer identidade virtual petista.
  • O PLANALTO interpretou que, ao acusar o ministro Paulo Guedes de não votar para aprovar privatizações, com a pergunta “e a culpa é minha?”, Rodrigo Maia mandou o recado de que é ele quem tem os votos, por isso o governo terá de “ajoelhar e rezar” para aprovar projetos na Câmara.
  • SEM a tradicional queima de fogos em Copacabana, que é para evitar aglomeração, aumentou a procura de cariocas por festas organizadas em clubes e hotéis para virada do ano. Outra opção em alta no réveillon é o aluguel de casas na Serra ou na Região dos Lagos.
  • A CÂMARA mantém sala no aeroporto de Brasília que funciona como uma base para assegurar privilégios no embarque e desembarque de suas excelências e aspones. O aluguel é o contribuinte que paga: R$ 12 mensais
  • UMA das maiores organizações ambientais do mundo, a WWF prepara uma campanha de anúncios e filmetes contra o governo brasileiro. A WWF é uma das ONG que estão de olho no Gabinete da Segurança Institucional (GSI) e da Abin. No que depender de Augusto Heleno, serão todas varridas da faze da terra.

Felpuda


Entre sussurros, nos bastidores políticos mais fechados, os comentários são que história apregoada por aí teria sido construída para encobrir o que realmente foi engendrado em conversa que resultou em negociata. 

O script foi na base do “você finge que é assim, e nós fingimos que acreditamos”. 

Batido o martelo, a encenação prosseguiu e, conforme o combinado, deverão ser apresentados novos episódios.

Ah, o poder!