Clique aqui e veja as últimas notícias!

TELEVISÃO

A série que foi sucesso dos anos 2000, “A Grande Família” volta ao ar em um episódio especial de Natal

“O Álbum de Natal da Grande Família”, uma reapresentação do último episódio da oitava temporada do humorístico
04/12/2020 09:42 - Caroline Borges/TV Press


A atemporalidade é uma marca forte do formato de “A Grande Família”. A série, que foi originalmente exibida nos anos de 1970, voltou a ser sucesso no início dos anos 2000 sob a batuta de Cláudio Paiva e Guel Arraes. O “remake” foi um dos carros-chefes da programação por 13 anos, ganhando, inclusive, uma versão para o cinema. Pouco mais de cinco anos após o episódio final, o seriado, que teve uma reprise especial entre janeiro e setembro do ano passado, conquista fôlego novamente com a exibição do especial “O Álbum de Natal da Grande Família”, uma reapresentação do último episódio da oitava temporada do humorístico. A produção, que vai ao ar no próximo domingo, dia 6, abre a programação de final de ano da Globo. 

Quando começamos ‘A Grande Família’, em 2001, não tínhamos a menor ideia de que o programa ficaria no ar durante tantos anos. Muito menos que os episódios de Natal se tornariam tão emblemáticos para a série. Foram, ao todo, 14 especiais de Natal. Não era fácil produzir quase quarenta episódios durante o ano. Era sempre uma festa quando encerrávamos mais uma temporada”, valoriza o diretor Maurício Farias. 

A história especial tem como mote a importância da união familiar na tradicional celebração. Nenê, papel de Marieta Severo, está animada para o Natal, pois a data também será a comemoração do primeiro ano de seu neto Floriano. No entanto, Lineu, de Marco Nanini, tem trabalhado sempre além do horário no pet shop e ela teme que ele não consiga chegar em casa a tempo para a ceia. 

Fiquei muito orgulhosa quando soube dessa reprise. Tenho a sensação de que é um programa eterno. A série está sempre conectada com o momento atual, e tem um apuro de direção, cenografia, produção de arte, atuação... sei que é um programa que vai retornar sempre, terão muitos ‘Álbuns da Grande Família’ ainda”, ressalta Marieta.

Além das preocupações com Lineu, Nenê descobre que Tuco, interpretado por Lúcio Mauro Filho, pretende jantar com a família da noiva Gina, vivida por Natália Lage. Enquanto isso, Bebel e Agostinho, interpretados por Guta Stresser e Pedro Cardoso, estão organizando uma festa em casa para o filho com direito a enfeites, salgadinhos e cachorro-quente, depois que a matriarca disse que esse estilo de comemoração não combina com a ocasião. 

Esse episódio fala justamente dessa vontade que todos temos no Natal de estarmos juntos com os nossos familiares e de como, às vezes, é difícil de conseguir juntar todos ao redor da mesa na ceia de Natal. A gente vê que esse enorme sucesso da televisão brasileira não envelheceu com o tempo, é atual, sempre me divirto e também me emociono assistindo aos episódios de todas as temporadas”, afirma Guta.

O episódio também conta com as participações de Andrea Beltrão, Evandro Mesquita e Tonico Pereira, que vivem Marilda, Paulão e Mendonça, respectivamente. A cabeleireira e melhor amiga de Nenê tenta convencer os ex-namorados Paulão e Mendonça a passarem o Natal com ela e seu novo namorado.

Vai ser muito bom rever a Marilda do programa no ar. O trio passa por um Natal complicado. Os ex-namorados não têm lugar para passar o Natal. Então, isso conversa um pouco com a delicadeza do Natal que vamos passar esse ano por causa do isolamento e da pandemia”, compara Andrea.