Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VIA STREAMING

3 sugestões de filmes e séries nas plataformas

Dica da Semana: “Deuses Americanos”
16/07/2020 08:50 - Kreitlon Pereira/Via Streaming


Série original da Amazon Prime Video estabeleceu os alicerces para futuras parcerias com Neil Gaiman

Com a publicação da série em quadrinhos “Sandman” de 1989 a 1996, o autor britânico Neil Gaiman se tornou um dos refundadores do gênero “super-heróis para adultos”, que andava em baixa desde o final dos anos 1960. Jornalista, também foi responsável por várias obras que foram adaptadas para o cinema, como a animação “Coraline”, indicada ao Oscar em 2009. Além disso, em 2013 , “O Oceano no Fim do Caminho” recebeu o prêmio de melhor livro no “British National Book Awards”. Em resumo, quase tudo que Neil Gaiman produz se torna um sucesso instantâneo, o que explica a ânsia da Amazon Prime Video em estabelecer uma parceria duradoura com o autor, concretizada com o lançamento da série “Deuses Americanos”, em 2017.

Na trama, após ser preso por agressão e ter sua pena de seis anos reduzida pela metade devido ao bom comportamento, Shadow Moon (Ricky Whittle) recebe a notícia que será solto alguns dias antes do previsto.  Não se trata de um erro administrativo, mas sim de uma decisão judicial para que Shadow possa participar do funeral da esposa Laura (Emily Browning), que sofreu um fatídico acidente de carro. No embarque de volta para casa, ele conhece o Senhor Wednesday (Ian McShane), um homem de meia idade rico e misterioso que lhe oferece um emprego de segurança particular. Confiante de que ainda possui seu emprego como instrutor na academia do melhor amigo, recusa essa inusitada proposta.

No entanto, devido ao mau tempo, o voo é cancelado e Shadow decide esperar em um bar, onde reencontra Wednesday, que decide apostar o emprego lançando uma moeda com duas coroas. Apesar de Shadow escolher o lado viciado, o lançamento magicamente resulta em cara e ele aceita trabalhar para Wednesday após o funeral da esposa. No fim, essa decisão foi a mais sensata, já que o melhor amigo estava num caso com sua mulher e também morreu no acidente de carro. Assim, Shadow embarca numa longa viagem com Wednesday pelos Estados Unidos com o objetivo de reunir velhos amigos para um inevitável combate.         

Link para o trailer de “Deuses Americanos”.

 
 

Beijo maldito

A Série fictícia brasileira, “Boca a Boca” retrata um vírus desconhecido transmitido pelo beijo

Diversas vezes os telespectadores se deparam com séries que, sem querer, preveem o futuro. Dentre estas, a campeã é "Os Simpsons", que já antecipou desde a vitória alemã contra o Brasil numa Copa do Mundo à vitória eleitoral de Trump nos Estados Unidos. Apesar de não ter de a mesma fama, a Netflix entrou nessa categoria com o filme “Contágio”. Agora, chegou a vez de “Boca a Boca”, uma produção original da plataforma criada por Esmir Filho e com estreia marcada para 17 de julho, retrata a incerteza e o pânico que é despertada por um vírus desconhecido e letal.

Em Progresso, uma pequena cidade pecuarista no interior do país, uma jovem acorda com uma ressaca diferente, além do enjoo e dores na cabeça, manchas escuras se espalham por sua boca. Trata-se de uma infecção desconhecida e letal, causada por um vírus transmitido pelo beijo. Surge assim uma sensação de desconfiança geral, pois no dia anterior ocorreu uma festa, regada a álcool e música, onde todos ficaram muito alterados e o agarramento foi generalizado, o que dificulta o rastreamento dos possíveis infectados. Apesar da preocupação dos pais só aumentar à medida que mais adolescentes adoecem, a diretoria da escola local faz um esforço conjunto com as autoridades policiais para minimizar a questão. Essa negação sistémica faz com que muitos moradores decidam agir por conta própria, o que altera profundamente a rotina da comunidade e gera um clima de desconfiança.

Além de o surto epidêmico intensificar as desigualdades na região, já que aqueles com mais recursos conseguem um atendimento médico especializado, ele evidencia preconceitos velados. Afinal, é necessário traçar um caminho entre todos os possíveis infectados, o que obriga os adolescentes a revelar suas preferências, algumas delas inconfessáveis. Assim, ao longo de seis episódios com 45 minutos cada, “Boca a Boca” explora os atritos entre uma juventude que ânsia por liberdade em um contexto de pânico generalizado.

Link para o trailer de “Boca a Boca”.

 
 

Muito além da espada

Uma releitura singular da lenda do Rei Arthur, “Cursed - A Lenda do Lago” chega à Netflix no dia 17 de julho

A lenda do Rei Arthur já foi adaptada para o cinema e para a televisão inúmeras vezes. Porém, a nova série original da Netflix, "Cursed - A Lenda do Lago", possui uma leitura diferente do conto. Para começar, possui uma protagonista feminina. A produção é baseada na história em quadrinhos de mesmo nome escrita por Tom Wheeler e ilustrada por Frank Miller. Os dois também foram responsáveis pela produção executiva da série, que vai ter os 10 episódios de sua primeira temporada disponibilizados pela plataforma de streaming no dia 17 de julho.

“Cursed” tem como protagonista Nimue (Katherine Langford), uma menina que mora em um vilarejo de feéricos - como são chamados aqueles que possuem relação com magia -, mas que sempre foi excluída pela população local por conta de sua ligação com magia maléfica, fruto de uma maldição que a assombra desde criança. Um dia, o vilarejo é atacado pelos Paladinos Vermelhos, radicais religiosos e apoiadores do Rei Uther Pendragon (pai do Rei Arthur na lenda), que consideram hereges aqueles que lidam com magia. Além de destruírem a vila, os paladinos matam a mãe de Nimue que, em seu leito de morte, pede para que a filha entregue uma antiga espada para o feiticeiro Merlim e, assim, ajude a salvar o povo feérico.

Tomada por um desejo de vingança contra os Paladinos e seu Rei corrupto, Nimue parte em uma perigosa aventura para realizar o derradeiro desejo de sua mãe e salvar seu povo. Para tal, a protagonista vai unir forças com um charmoso mercenário chamado Arthur, que encontra em sua jornada, e com refugiados feéricos espalhados por toda Inglaterra. Assim, Nimue (que na lenda original é a Dama do Lago, personagem que entrega a espada ao Rei Arthur) vai se tornar um símbolo de resistência e coragem contra ao reino do tirano Uther.  

Link para o trailer de “Cursed - A Lenda do Lago”.

 

Felpuda


Como era de se esperar, as pesquisas mexeram nos ânimos de candidatos, principalmente daqueles que apareceram com índices pífios.

E assim, muitos deles certamente darão novo rumo às suas campanhas eleitorais.

A maioria, é claro, tenta mostrar otimismo, e o que mais se ouve por aí é que “agora o momento será de virada”.

Como disse atento e irônico observador: “Tem gente por aí que poderá virar, sim. Mas virar gozação!”. Ui...