Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CULTURA

Casa do Artesão investe em delivery e tem até máscara no estoque

Pedidos podem ser feitos por telefone de segunda a sexta-feira
02/05/2020 13:35 - Naiane Mesquita


Com muitas atividades ao ar livre suspensas devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), os artesãos de Campo Grande estão com poucos espaços para expor seus trabalhos. Pensando nisso, a Casa do Artesão lançou um serviço de delivery para a entrega de peças de artesanato e até máscaras de tecido. "Nós vamos continuar durante todo o período de pandemia e quem sabe futuramente também, gostamos da ideia", afirma a gerente de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da FCMS, Katienka Klain.

A ideia surgiu após a queda no número de vendas com a paralisação do comércio em Campo Grande. "Trabalhamos com consignação. Os artesãos deixam as peças na Casa do Artesão e repassamos depois o que foi vendido. Agora estamos com o moto entregador, também oferecemos diversas opções de pagamento, com máquina de cartão de crédito, débito, transferência e pagamento em dinheiro. A taxa de entrega varia de acordo com a região", explica Katienka. 

A gerente estima que mais de 700 artesãos estejam cadastrados para a venda de produtos na Casa do Artesão. "Estamos com um grande volume de peças, acredito que 1000 artesãos estejam conosco agora, cresceu a procura. Ao todo são 6 mil artesãos atuando em Mato Grosso do Sul", frisa. 

Segurança

A instituição está seguindo as recomendações das autoridades em Saúde, com as medidas de prevenção necessárias, como disponibilização de álcool gel para os clientes, uso de máscara e delimitações de distância dos servidores.

Serviço – A Casa do Artesão fica na Avenida Calógeras, 2050 – centro e está aberta ao público de segunda a sexta das 9h às 16h30. Informações podem ser obtidas pelos telefones (67) 3383-2633/99229-2038. Artesãos que tenham interesse em expor seus trabalhos na instituição devem ter a Carteira do Artesão que é obtida gratuitamente para confirmação do registro, o artesão passa por uma prova de habilidades técnicas, cuja aprovação é da Gerência de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul. Para mais informações ou agendamentos pelos telefones (67) 3316-9107 / 3316-9152.

 

 

Felpuda


Dia desses, há quem tenha se lembrado de opositor ferrenho – em público –, contra governante da época, mas que não deixava de frequentar a fazenda de “sua vítima” sempre que possível e longe dos olhos populares. Por lá, dizem, riam que só do fictício enfrentamento de ambos, que atraía atenção e votos. E quem se lembrou da antiga história garantiu que hoje ela vem se repetindo, tendo duas figurinhas carimbadas nos papéis principais. Ô louco!