Clique aqui e veja as últimas notícias!

COMPORTAMENTO

Suculentas viram alvo de colecionadores e há quem tenha 170 unidades no quintal

Perfeitas para espaços pequenos, as suculentas e cactos fazem sucesso na pandemia
24/09/2020 07:00 - Naiane Mesquita


Na última vez que o biólogo Heriberto Gimênes Júnior, 33 anos, contou, tinha 170 suculentas e cactos em casa.  

A paixão, que começou no ano passado durante uma feirinha em Campo Grande, acabou se tornando um perfil no Instagram, com dicas de cultivo e o desejo de tornar a espécie ainda mais querida pelos brasileiros. “Eu já gostava de plantas, mas me apaixonei imediatamente pelas suculentas. No início eu comprei as mais simples, mas depois eu fui adquirindo as mais raras”, conta Heriberto.  

Com a pandemia do novo coronavírus, o biólogo percebeu que o cultivo se tornou uma distração ainda mais importante. “Durante a pandemia eu acho que esse cultivo também teve um fator importante, porque foi o momento de entrar em contato com essas plantas, como se fosse uma terapia. Foi muito bacana”, frisa.  

Foi então que o perfil Suculentas do Pantaneiro surgiu no Instagram. “Para poder ajudar as pessoas que também mantêm suculentas em casa, com dicas de manutenção e de onde encontrar”, ressalta.