Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

MUSEU A CÉU ABERTO

Instituto Inhotim reabre após quase oito meses fechado devido à pandemia

Funcionamento terá restrições para evitar disseminação de covid-19, em Brumadinho
07/11/2020 21:00 - Agência Brasil


O Instituto Inhotim, museu a céu aberto em Brumadinho (MG), reabriu neste sábado (7) depois de ficar quase oito meses fechado devido à pandemia de covid-19. 

O funcionamento do espaço, que havia fechado em 18 de março deste ano, terá restrições e seguirá protocolos para evitar contágio de visitantes e funcionários pelo novo coronavírus.

Nos fins de semana e feriados, o funcionamento será das 9h30 às 17h30. Já nas sextas-feiras, o museu ficará aberto das 9h30 às 16h30. 

Os ingressos, que custam entre R$ 22 e R$ 44 podem ser comprados online.

O número de visitantes diário será limitado a 500 pessoas e, por enquanto, grupos de excursões, em ônibus ou vans, não estão permitidos. 

O uso de máscara é obrigatório dentro de Inhotim e a temperatura será aferida na recepção.  

Outra restrição é o limite máximo de cinco pessoas por grupo nas visitas mediadas. Além disso, os guardas-volumes e os bebedouros não estão disponíveis.

Algumas áreas continuam fechadas: Galeria Fonte (G4), Galeria Lago (G6), Galeria marcenaria/ vídeo performance: De lama lâmina (G9), Galeria Cosmococa (G15), Galeria Marilá Dardot (G17), obra By Means of a Sudden Intuitive Realization, 1996 (A8), obra Viewing Machine, 2001 (A13), obra Piscina, 2009 (A15) e obra Sem Título, 2019 (A24).

Também está prevista uma programação online para comemorar o retorno das atividades presenciais.

 
 

Felpuda


Figurinha cuja eleição estava sub judice trabalha intensamente para ter a votação legalizada. Isso acontecendo, garante uma das cadeiras de vereador. Assim, quem hoje foi proclamado eleito vai para a fila da suplência.

Caso isso ocorra, a figurinha que corre o risco não deverá ficar desamparada, pois deixou secretaria municipal para disputar as eleições e poderá ter a cadeira de volta em 2021. Agora, resta esperar para ver onde vai parar.