Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MÚSICA

Músicos se unem em recital clássico pela internet

Beethoven foi escolhido para abrir a série "Encontros Clássicos"
04/05/2020 11:20 - Naiane Mesquita


A partir de sábado, 9 de maio, a série "Encontros Clássicos - Festival Beethoven" traz um pouco da obra de um dos maiores compositores do mundo. Nos encontros, ao longo de cinco sábados, às 11 horas, um pianista fará uma apresentação pela internet, seguida de uma conversa com o público sobre sua carreira, a interpretação das obras que acabou de tocar, além dos compositores escolhidos. Na lista de artistas que irão se apresentar estão os pianistas Leonardo Hilsdorf, Cristian Budu, Sylvia Thereza, Vera Astrachan e Ricardo Castro. 

Justo 2020 é o ano de celebração dos 250 anos de nascimento de Beethoven. Para homenagear, cada pianista escolheu uma sonata do compositor. Cristian Budu, que abre a série, toca a Sonata Waldstein, ao lado de peças de Schumann. No dia 16, Sylvia Thereza toca a Sonata Appassionata, que resolveu combinar com obras de Chopin. 

No dia 23, Vera Astrachan se volta ao início da carreira de Beethoven, com a Sonata nº 3 combinada com peça de Haydn. Hilsdorf, além da Sonata nº 24, escolheu Schubert e o brasileiro Alberto Nepomuceno para a apresentação do dia 30. E Ricardo Castro encerra a série, no dia 6 de junho, com a Sonata nº 30 do compositor.

O público pode optar por assinar a série completa e acompanhar os cinco encontros (R$ 200) ou comprar o ingresso individual para a apresentação de cada pianista (R$ 50). Informações no site www.concerto. com.br/encontros-classicos ou pelo telefone (11) 99978-6802.

 

Felpuda


Questão de família acabou descambando para o lado da política, e a confusão já é do conhecimento público. 

A queda de braço tem como foco a troca de apoio político que, de um, foi para outro. Sem contar as ameaças de denúncia da figura central do imbróglio. 

A continuar assim, há quem diga que nenhum dos dois candidatos a vereador envolvidos na história conseguirá ser eleito. Barraco é pouco!