Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COLUNA VITRINE

Passo à frente

Após algumas participações especiais, Ivan Rios encara sua primeira novela inteira como o motoqueiro Olavo de “Amor Sem Igual”
26/02/2020 19:00 - Márcio Maio/TV Press


 

Até se estabelecerem na tevê, muitos atores passam alguns períodos emendando participações pequenas em novelas e séries. Com Ivan Rios não foi diferente. Mas, aos 29 anos, ele não tem dúvidas de que foi em uma dessas aparições rápidas deu o primeiro passo para interpretar o motoqueiro Olavo em “Amor Sem Igual”, da Record. Ano passado, ele esteve nos capítulos iniciais de “Topíssima”, na mesma emissora. Foram só duas semanas no ar – Caio, seu personagem, foi assassinado na trama. Mas o suficiente para chamar a atenção da equipe. “Assim que acabou ‘Topíssima’, fui chamado para um teste de ‘Amor Sem Igual’. Fiquei muito à vontade quando vi grande parte da equipe de ‘Topíssima’ estaria lá. O teste com o Rudi Lagemann (diretor) foi bem natural, pois ambos conhecíamos o trabalho um do outro”, lembra.

Por ser sua primeira novela inteira, “Amor Sem Igual” tem um peso forte na carreira de Ivan. Porém, um detalhe de seu personagem acabou se tornando um grande trunfo para o ator na fase de pré-produção. Afinal, pela sinopse de Cristianne Fridman, Olavo era descrito como um jovem trabalhador que daria expediente como motoboy no Mercado Municipal de São Paulo de manhã e, à noite, trabalharia no Mademoiselle Olympia Night Club. “Ando de moto desde os 18 anos, quando tirei habilitação para carro e moto. Até para ir trabalhar eu vou de moto”, conta. 

Na história, Olavo carrega bastante no sotaque e nas gírias paulistas. “Não tem tempo ruim com ele”, garante o intérprete. Para não fazer feio, Ivan aproveitou enquanto as gravações não começavam para visitar a capital paulista. E, assim, conseguir observar pessoas e se inspirar. “Conheci motoboys, conversei um pouco com eles e aprendi algumas gírias. Foi bem divertido todo esse processo de criação”, recorda. 

O interesse pela carreira artística surgiu ainda na infância. Desde a época da escola, Ivan é capaz de enumerar situações em que, provavelmente, sua vocação já se manifestava. “Sempre fui aquele aluno que preferia apresentar trabalho no lugar de fazer prova escrita”, garante. Além disso, um de seus hobbies nessa fase também estava diretamente ligado à sua rotina atual. “Desde pequeno eu acompanhava as novelas. E sempre quis fazer parte disso tudo”, afirma. 

Ivan também investe seu tempo em sua produtora, a Rio’s Produções, que já tem dois projetos para este ano. O primeiro é o curta-metragem “Simples Assim”, que conta a história de três amigos que se apaixonam e aprendem a viver esse amor. Ivan é um dos dos protagonistas, ao lado de Júlia França e Hugo Carvalho. Outro projeto da produtora é a websérie “Romeu”, que começará a ser gravada ainda no primeiro semestre de 2020. “Vou fazer o Gabriel, um rapaz livre, leve e de bem com a vida que se envolve com dois personagens, ficando dividido entre os dois”, adianta.

 

“Amor Sem Igual” – Record – Segunda a sexta, às 19h30.

Felpuda


Na troca de alfinetadas entre partidos que não se entenderam até agora sobre eventual aliança, uma outra peça está surgindo: trata-se do levantamento completo sobre investimentos feitos, recursos liberados, parcerias em todas as áreas, além do prazo de quando tudo isso começou. Caso os palanques venham a ficar distanciados, a divulgação será feita à exaustão durante a campanha eleitoral, para mostrar quem é quem na história. Os bombeiros continuam atuando.