Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ECONOMIA

China supera previsão e cresce acima do esperado

PIB do gigante asiático se recupera no 2º tri depois de reabertura comercial
16/07/2020 09:47 - Rodrigo Almeida


Na contramão da economia global, a China anunciou crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), na manhã desta quinta-feira (16). O país asiático registrou aumento de 3,8% de produtividade no período correspondente ao segundo trimestre.

Depois de cair 6,8% no primeiro trimestre do ano, o aumento vem seguindo da reabertura da economia pós-crise da pandemia do novo coronavírus. O aumento só é possível porque a China entrou primeiro na crise, foi lá que o vírus teve origem.

O Brasil, por sua vez, ainda não divulgou os dados da segundo trimestre. Mas a expectativa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) é que a queda seja acima de 10%, como anunciando junho.

No primeiro período do ano a pancada foi menor por aqui: 3,8%. Assim como os efeitos do vírus chegaram mais tarde à América do Sul, a retomada será mais tardia também. E tudo tem a ver com as políticas públicas de combate ao Covid-19.

O número foi pressionado pelo bom desempenho da produção industrial, que subiu 4,8% no ano em comparação com o mesmo período de 2019. Em contrapartida, o crescimento só não foi mais acentuado porque o comércio ainda patina, com queda de 1,8%.

Segundo o relatório, são cinco meses seguidos de retração do setor, que no começo do ano estava previsto para crescer cerca de 0,5%. As medidas tomadas pelo Governo Chinês de diminuir reservas bancárias, isenção de impostos e corte nas taxas de empréstimos surtiram efeito e superaram a previsão de aumento de 2,5%.

 
 

Felpuda


É quase certo que a aposentadoria deverá ocorrer de maneira mais rápida do que se pensava em determinado órgão. O que deveria ser a tal ordem natural dos fatos acabou sendo atropelada por acontecimentos considerados danosos para a imagem da instituição. Os dias estão passando, o cerco apertando e já é praticamente unanimidade de que a cadeira terá de ter substituto. Mas, pelo que se ouve, a escolha não deverá ser com flores e bombons de grife.