Correio Rural

SAFRA

MS eleva contratação de crédito rural e recursos superam R$ 1,4 bilhão

MS eleva contratação de crédito rural e recursos superam R$ 1,4 bilhão

ROSANA SIQUEIRA

29/01/2011 - 00h02
Continue lendo...

Mato Grosso do Sul elevou em 10% a contratação de crédito agrícola no ano passado. Segundo dados da superintendência do Banco do Brasil em Mato Grosso do Sul, em 2010, foram liberados R$ 1,487 bilhão em financiamentos para a agropecuária. O índice é superior ao montante destinado ao setor em 2009.
De acordo com os dados da gerência de Agronegócios, foram destinados R$ 1,123 bilhão para custeio agrícola e R$ 301,6 milhões para investimentos e R$ 62,4 milhões para comercialização.
Na avaliação do gerente de negócios do BB na Capital, Miguel Fernandes Honório, o aumento foi motivado pelas melhores condições da safra agrícola. “A safra está sendo boa, por conta do clima que permitiu o bom desenvolvimento das lavouras”, frisou o gerente. Isso acaba impulsionando o setor a investir mais em tecnologia.

QUEDA NA INADIMPLÊNCIA
A inadimplência nos contratos agrícolas, que foi motivo de dor-de-cabeça para muitos gerentes em anos passados no Estado, atualmente está abaixo da média do País. Honório frisa que a inadimplência é baixa.
Segundo ele os juros praticados nos contratos de custeio variam de 1,5% na agricultura familiar até 8,75% para o crédito tradicional.

BRASIL
No País, o agronegócio continua operando fortemente com o crédito rural e demonstra confiança na rentabilidade do setor. Dos recursos disponíveis pelo governo federal no Plano Agrícola e Pecuário (PAP) 2010/2011 para financiar a agricultura empresarial cerca de R$ 9 bilhões foram contratados em dezembro do ano passado. Este valor é 37% superior ao aplicado no mesmo período de 2009. As contratações do agronegócio no acumulado de julho a dezembro de 2010 foram de R$ 50,8 bilhões, o que representa crescimento de 18,6% em relação ao mesmo período no ano anterior.