Economia
MÁ PREVISÃO

Governo eleva expectativa de inflação em 2022 de 6,5% para 7,9%

A taxa prevista de 7,9% para o IPCA supera a meta a ser perseguida pelo Banco Central

FOLHAPRESS

19/05/2022 23:00

O Ministério da Economia elevou a expectativa de inflação deste ano de 6,55% para 7,9% e manteve a projeção para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) para 2022 em 1,5%.

As projeções do ministério divulgadas nesta quinta-feira (19) estão no Boletim Macrofiscal, atualizado bimestralmente pela SPE (Secretaria de Política Econômica). Os dados anteriores haviam sido anunciados pela pasta em março e são revisados periodicamente porque servem de referência para ajustar a execução orçamentária.

A taxa prevista de 7,9% para o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) supera a meta a ser perseguida pelo Banco Central. O valor fixado pelo CMN (Conselho Monetário Nacional) para este ano é de 3,5% -com 1,5 ponto percentual de tolerância para mais ou para menos.​

Mais cedo, em evento em São Paulo, o ministro Paulo Guedes (Economia) disse que o Brasil já saiu "do inferno" ao se referir à inflação. "Nós já saímos do inferno, conhecemos o caminho e sabemos como se sai rápido do fundo do poço", afirmou.