Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COMBUSTÍVEL

Petrobras reajusta em 10% preço da gasolina nas refinarias

Por outro lado, diesel não teve alteração no preço
08/06/2020 17:28 - Fábio Oruê, Súzan Benites


A Petrobras informou às distribuidoras que vai aumentar a gasolina cerca de R$ 0,13 a partir de amanhã. Com o reajuste de 10%, o combustível que saia das refinarias à R$ 1,34 passa a custar R$ 1,45. O preço do diesel permanece inalterado.

A formação do preço final, porém, depende de fatores como consumo, estoques, impostos, margens de distribuição e revenda e a mistura de biocombustíveis. As refinarias comercializam a gasolina pura; depois, é realizada a mistura de 73% de gasolina com 27% de etanol para formar o combustível que chega ao consumidor.

Conforme pesquisa da reportagem do Correio do Estado, o litro da gasolina comercializado em Campo Grande, nesta segunda-feira (8), variava entre R$ 3,78 e R$ 3,99 - uma média de R$ 3,87.

Nos primeiros dias de maio, o litro da gasolina era vendido nas refinarias a R$ 0,91, menor preço praticado pela Petrobras desde 2004. A partir do dia 27, o litro passou a ser vendido a R$ 1,32 e agora terá um novo aumento. 

O aumento da estatal segue o movimento de alta do petróleo no mercado internacional da semana passada. Esta semana, a commodity opera em queda por dúvidas em relação ao real tamanho do corte de produção que será praticado em junho e julho.

Pela manhã, por volta das 10 horas (de Brasília), a commodity do tipo Brent, usada como parâmetro pela Petrobras, operava em queda de 1,18%, cotada a US$ 41,79 o barril.

Mesmo em baixa, o valor da commodity é quase o dobro do verificado em abril, quando chegou a ser cotado abaixo dos US$ 20 o barril.

 
 

Felpuda


Falatório e atitude de membro da família acenderam a luz vermelha no “QG” de candidato, pois poderão causar muitos estragos. 

A tropa de choque de defensores do candidato a prefeito já foi colocada em campo e só falta falar que os genes de ambos são diferentes. 

E com relação ao dito-cujo, sabe-se que deverá ser orientado a “baixar a bola” nos próximos dias, mais precisamente até o término da campanha eleitoral.

Afinal...