Esportes

Valência

Barrichello estreará novo carro da Williams

Barrichello estreará novo carro da Williams

Continue lendo...

O brasileiro Rubens Barrichello vai estrear o novo carro da Williams em Valência, na primeira sessão de testes de pré-temporada da Fórmula 1, que acontece no dia 1º de fevereiro.

O anúncio foi feito por um porta-voz da equipe inglesa na manhã desta terça-feira. O representante também informou que Pastor Maldonado, novo companheiro de Rubinho, vai estrear na metade do segundo dia de testes.

O chefe de engenharia da Williams, Patrick Head, já adiantou que o modelo FW33 será mais "aventureiro" se comparado ao seu antecessor.

"Rubens disse à mídia que ele achou o carro radical, mas acho que é apenas mais aventureiro do que nosso carro de 2010. Para melhorar a equipe, isso será preciso", escreveu o dirigente, em sua coluna da revista Motorsport Magazine.

No texto, Head ainda lamentou a saída do jovem Nico Hulkenberg da equipe e disse que o alemão merece um assento em 2011 no grid. Contudo, afirmou que Maldonado também tem capacidade de estar na Williams.

JUDÔ REGIONAL EM DESTAQUE

Dez judocas representam MS na Taça Brasil Sub-21, em Curitiba

A competição distribui pontos no ranking nacional, que serve para definir a convocação para o Campeonato Mundial Júnior

15/06/2024 15h00

Andrey Kuttert, Rayssa Nascimento e Ana Carolina Spessoto são três dos 10 que vão representar o MS

Andrey Kuttert, Rayssa Nascimento e Ana Carolina Spessoto são três dos 10 que vão representar o MS Fotos: Divulgação

Continue Lendo...

Tradicional competição disputada em Curitiba (PR), o CBI Taça Brasil Sub-21 de Judô terá 10 judocas de Mato Grosso do Sul representando o Estado no tatame nacional.

A competição acontece neste final de semana, sábado e domingo. Segundo a Confederação Brasileira de Judô há expectativa de recorde de participantes nesta edição, cerca de 470 atletas de 93 clubes devem participar, sendo este o maior número desde sua criação.

Pela Associação Yada Judô de Itaporã, Andrey da Silva Kuttert (-60kg), Rayssa Nascimento (-48kg) e Ana Carolina Ajala Spessoto (-78kg). No Judô Moura de Campo Grande, as irmãs Milena Demarco (-57kg) e Ana Clara Demarco (-63kg) também estão confirmadas. Já o Judô Futuro (Campo Grande), Nathália de Arruda (-70kg) e Elias Neto (-73kg) representam o Estado.

Marcos Paulo da Silva (-60kg) do Clube Rocha (Campo Grande), Vinícius Andrade Pacheco (-100kg) da Associação Nipo Brasileira (Campo Grande) e o Otávio Nabhan da Associação Cano (Dourados) fecham a lista dos 10 judocas do Mato Grosso do Sul que participaram da Taça Brasil Sub-21.

Dos atletas do Estado, Nathália de Arruda foi medalha de bronze na edição da Taça Brasil do ano passado na categoria -70 kg, e a Milena Demarco conquistou a medalha de ouro na competição, pela categoria -57kg, em 2022.

No ano passado, três judocas que vão disputar a Taça Brasil Sub-21, foram medalhistas do Copa Pan-Americano na categoria Júnior (sub-21). Ana Clara Demarco e Elias Neto, ambos foram prata na competição continental.

Ana Carolina Spessoto também conquistou no Pan-Americano a medalha de bronze em sua categoria.
Recentemente a atleta Nathália de Arruda foi a única judoca do Mato Grosso do Sul a disputar a Copa Europeia Sub-21, que foi disputada em Graz, na Áustria, no 5 de junho.

A judoca enfrentou três atletas na competição, da Alemanha, Israel e Servia, e foi eliminada na repescagem da categoria -70kg.

Na edição passada da Taça Brasil Sub-21, Mato Grosso do Sul foi representado por 18 judocas, de quatro clubes diferentes. 

PREPARAÇÃO

Ao Correio do Estado, o judoca Andrey Kuttert (-60kg), que disputará pela primeira vez a competição na categoria sub-21, falou sobre a ansiedade e preparação para o aguardado campeonato.

“Estou com um misto de ansiedade e ao mesmo tempo tranquilo, pois tenho treinado bastante para a competição e espero que eu consiga colocar em prática todo o treinamento. A Sensei Kely é bastante exigente nos treinos, o que é muito bom, pois nos faz dar o nosso melhor”, disse Andrey.

Segundo o atleta, que disputou neste ano torneios como o Meeting Nacional sub-21 e o Campeonato Estadual, o objetivo nesta Taça Brasil é estar entre os atletas que chegarem às finais e voltar para casa com uma medalha.

Para a Ana Carolina Spessoto (-78 kg), as expectativas são boas para a competição.

“Estou otimista. Quero lutar bem, aprender mais e pegar um pódio. Em 2023 disputei a Taça Brasil e cheguei nas disputas de medalhas, terminei a competição em quinto lugar”, declarou a atleta.

A judoca Rayssa Nascimento (-48kg) também destaca o nível de competitividade nacional.

“Acredito que vão ser lutas bastantes disputadas e difíceis, mas estou muito ansiosa e com bastante expectativa para uma competição boa”.

NACIONAL

A CBI Taça Brasil Sub-21 de Judô, vai distribuir pontos importantes no ranking nacional desta classe de idade, sendo este um dos principais critérios de convocação para estágios internacionais e para o Campeonato Mundial Júnior.

Além das disputas individuais das 14 categorias de peso, a Taça Brasil ainda terá em sua agenda, pelo segundo ano consecutivo, a eletrizante competição por equipes mistas, que neste ano contará com 12 clubes. 

Em 2023, na estreia, o grande campeão foi o Instituto Reação (RJ), em final vencida por 4x1 sobre o conterrâneo Flamengo (RJ). Já o Esporte Clube Pinheiros (SP) e o Minas Tênis Clube (MG) ficaram com as medalhas de bronze na ocasião.

A iniciativa da CBJ de introduzir as disputas por equipes nos Campeonatos Interclubes e Brasileiros da base visa fomentar e desenvolver o judô brasileiro também nesse formato, que integra o programa olímpico desde 2020 e o mundial desde 2017.

Assine o Correio do Estado

SÉRIE D

Em ótima fase, Costa Rica enfrenta o Santo André (SP) neste domingo (16)

Com três vitórias nos últimos cinco jogos, a equipe sul-mato-grossense enfrenta o time do ABC Paulista neste domingo (16), às 15h, fora de casa; em caso de vitória, classificação fica encaminhada

15/06/2024 13h00

Costa Rica visa vitória importante diante do Santo André (SP) neste domingo

Costa Rica visa vitória importante diante do Santo André (SP) neste domingo Foto: Divulgação

Continue Lendo...

Quem imaginaria que o Costa Rica estaria na terceira colocação do grupo após um começo tão abaixo na Série D do Campeonato Brasileiro? Para manter essa boa fase, a equipe enfrenta o Santo André (SP), neste domingo (16), às 15h, no Estádio Bruno José Daniel, casa do time paulista.

Nos últimos cinco jogos, são três vitórias, além de um empate, sendo a derrota justamente para o Santo André, na sexta rodada, por 5x2. Em busca de revanche, a representante sul-mato-grossense tenta consolidar o bom momento e encaminhar classificação para a próxima fase. No último jogo, conseguiu uma virada nos minutos finais contra o Água Santa (SP) e venceu por 2x1, no Laertão.

Até o momento, a Cobra do Norte ocupa a terceira posição no grupo A7 com 11 pontos conquistados, atrás apenas da Inter de Limeira (SP) e Maringá (PR), ambas as equipes com 17 pontos. Um resultado positivo nesta 9ª rodada colocaria o CREC próximo ao mata-mata da competição.

Porém, é importante estar em alerta, já que uma derrota pode tirar a equipe do Mato Grosso do Sul do G4 (zona de classificação) e ter a necessidade de vencer nas últimas rodadas desta primeira etapa da Série D. 

Além da partida deste domingo, o Costa Rica tem mais quatro jogos a fazer ainda, são eles:

10ª rodada
Costa Rica x Patrocinense (MG) - 23/06, às 17h30;

11ª rodada
Pouso Alegre (MG) x Costa Rica - 29/06, às 17h;

12ª rodada
Costa Rica x Maringá (PR) - 07/07, às 17h30;

13ª rodada
Inter de Limeira (SP) x Costa Rica - 13/07 (sem horário definido);

14ª rodada
Costa Rica x São José (SP) - 21/07 (sem horário definido).

Santo André

Com apenas uma vitória (contra o Costa Rica) em oito jogos, a fase da equipe do ABC Paulista não é boa. Além de ter conquistado apenas um resultado positivo na competição, o Santo André possuí cinco empates.

Mesmo distante do desempenho ideal, o time paulista continua próximo ao G4, com oito pontos conquistados, um atrás do Pouso Alegre (MG), o quarto colocado do grupo. Por isso, o Santo André deve adotar este jogo de domingo como crucial para buscar a classificação.

Confira a situação de momento (até 15/06) do grupo:

Saiba

A quarta divisão do futebol nacional é composta por 64 equipes, do qual elas são divididas em oito grupos de oito times cada. Apenas os quatro primeiros colocados de cada grupo passam para a próxima fase, que a partir deste ponto é mata-mata. Quem sobe para a Série C? as quatro equipes restantes na competição, ou seja, os semifinalistas.

Assine o Correio do Estado

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).