Esportes

brasil

A+ A-

Contestado pela 1ª vez, Mano pede paciência

Contestado pela 1ª vez, Mano pede paciência

Continue lendo...

Era um pequeno grupo, que não passava de cinquenta pessoas. Mas diante de uma torcida dispersa em meio a uma multidão de paraguaios, tornou-se o mais representativo entre os brasileiros com contestações ao técnico Mano Menezes e manifestações mais de pressão do que de apoio à Seleção Brasileira no empate por 2 a 2 com o Paraguai no último sábado, em Córdoba.

Se Mano teve a complacência dos torcedores em seus primeiros jogos à frente do Brasil, neste início de Copa América a situação mudou. A escalação de Jadson como titular rendeu xingamentos ao técnico quando o meia errou uma sequência de passes e o futebol fraco provocou gritos tímidos de "burro".

A primeira contestação das arquibancadas diretas ao treinador foi tratada de forma natural. Mano pediu mais paciência com um time ainda formação e avisou que as oscilações vão marcar o início de seu trabalho na Seleção.

"O torcedor brasileiro é extremamente inteligente para saber o momento que estamos atravessando, de um novo trabalho. Vai gerar instabilidade. A equipe vai oscilar durante um período e, em uma competição dura como é a Copa América, a probabilidade disso acontecer é maior. Ainda não estamos tão bem quanto queremos estar logo ali na frente", afirmou.

Antes do jogo contra o Paraguai, a Seleção ouviu vaias contra a Holanda e Romênia, gritos de "timinho", mas sem nenhuma referência direta a Mano. Neste sábado, além da contestação ao treinador, este pequeno grupo pediu insistentemente Lucas e ironicamente Marta, a camisa 10 da Seleção que disputa o Mundial feminino na Alemanha.

"Peço um pouco de paciência porque você quer ver um jogador, especificamente como foi o caso de hoje em determinados momentos, mas não justifica vaiar ou cobrar por querer outro nome naquela posição", afirmou Mano em uma clara referência ao meia-atacante Lucas.

O ruído incomodou o treinador, que, na hora do gol de Jadson, virou-se para a torcida barulhenta e pediu aplausos. Anteriormente, mais precisamente após o duelo contra a Holanda, Mano criou polêmica ao dizer que o torcedor brasileiro precisava ser educado a torcer até a Copa do Mundo de 2014.

Defensores del Chaco

A grande presença de paraguaios em Córdoba fez Mano considerar a partida como se fosse fora de casa. "Jogamos de visitante. A torcida era mais de paraguaios e foi como se saíssemos para jogar nas Eliminatórias. Empatar no Defensores del Chaco (Estádio de Assunção) por 2 a 2 cai o mundo? Não. Foi muito abaixo esse nosso resultado? Não", completou.

Esportes

Brasil goleia Argentina e avança às semifinais da Copa Ouro: 5 a 1

Seleção aguarda por México ou Paraguai na próxima fase

03/03/2024 13h30

Leandro Lopes/CBF

Continue Lendo...

A seleção brasileira feminina de futebol não deixou dúvidas sobre quem era melhor e atropelou a Argentina por 5 a 1, na madrugada deste domingo (3), pelas quartas de final da Copa Ouro, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Bia Zaneratto (2), Yaya, Yasmin e Gabi Nunes marcaram para o Brasil. Celeste dos Santos descontou para as argentinas. Com o resultado, o Brasil espera por México ou Paraguai nas semifinais. As duas seleções se enfrentam às 19h deste domingo.

Depois de um breve período de inconstância no começo da partida, o Brasil abriu a porteira da goleada aos 18 minutos. Bia Zaneratto cruzou da esquerda e Yaya cabeceou no contrapé da goleira para marcar. Foi o primeiro gol da jogadora pela seleção brasileira principal. Após o jogo, ela classificou o gol como “uma sensação única, um momento muito maravilhoso".

Aos 35, Yasmin pegou sobra de fora da área para ampliar.

Na segunda etapa, o Brasil fez mais dois gols, com Bia Zaneratto marcando no próprio rebote em uma jogada dentro da área e depois com Gabi Nunes recebendo cruzamento da direita e finalizando livre de marcação, de cabeça.

A Argentina diminuiu com um belo gol de Dos Santos encobrindo a goleira Luciana, mas nos acréscimos Bia Zaneratto, com um chute forte da entrada da área, marcou o segundo dela e deu números finais à partida.

Até agora, a seleção comandada por Arthur Elias tem quatro vitórias em quatro jogos na competição, com 12 gols marcados. O gol sofrido contra a Argentina foi o primeiro e único até agora na campanha. O próximo compromisso da seleção está marcado para a madrugada de quinta-feira (7), em San Diego.

Acumulou

Mega-sena acumula novamente e prêmio pode chegar a R$ 205 milhões

Dezenas sorteadas foram: 15-17-32-33-34-40

03/03/2024 11h29

Divulgação

Continue Lendo...

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.695 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite deste sábado (2), no Espaço da Sorte, em São Paulo. 

As dezenas sorteadas foram: 15-17-32-33-34-40

O prêmio para o próximo sorteio, que acontece na próxima terça-feira (5), acumulou em R$ 205 milhões.

De acordo com a Caixa, 249 apostas acertaram cinco dezenas e ganharam R$ 40.004, enquanto 15.891 apostas acertaram a quadra e ganharam R$ 895,48 cada. 

As apostas para o próximo sorteio podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O jogo simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 5.


 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).