Esportes

Stock Car

Felipe Fraga larga em quinto lugar e triunfa na Capital

Felipe Fraga larga em quinto lugar e triunfa na Capital

DA REDAÇÃO

13/09/2015 - 14h45
Continue lendo...

Os pilotos do Circuito Schin Stock Car voltaram para o traçado do Autódromo Orlando Moura, localizado em Campo Grande (MS), na tarde deste domingo (13), para correr a segunda corrida da nona etapa da temporada. Largando apenas da quinta colocação, Felipe Fraga veio escalando o pelotão até que, com quatro voltas para o fim, ultrapassou Cacá Bueno, assumiu a ponta e lá ficou, garantindo a vitória.

O piloto da Red Bull, que protagonizou uma intensa batalha com o vencedor na última volta, foi quem recebeu a bandeira quadriculada no segundo posto, seguido logo por Ricardo Maurício, da Eurofarma, que completou o pódio. Rubens Barrichello, Max Wilson, Daniel Serra, Allam Khodair, Sergio Jimenez, Valdeno Brito e Luciano Burti completaram os dez melhores da segunda prova do final de semana.

1-) 88 Felipe Fraga( Voxx Racing Team) - 18 voltas 
2-) 0 Cacá Bueno (Red Bull Racing) - a 0s553 
3-) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) - a 1s190 
4-) 111 Rubens Barrichello (Red Bull Racing) - a 1s571 
5-) 65 Max Wilson (Eurofarma RC) - a 2s125 
6-) 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) - a 4s634 
7-) 18 Allam Khodair (Full Time Sports) - a 4s634
8-) 73 Sergio Jimenez (Axalta C2 Team) - a 5s170 
9-) 77 Valdeno Brito (Shell Racing) - a 5s906 
10-) 14 Luciano Burti (RZ Motorsport) - a 9s049 
11-) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) - a 12s696 
12-) 80 Marcos Gomes (Voxx Racing Team) - a 13s668 
13-) 51 Átila Abreu (AMG Motorsport) - a 14s420 
14-) 83 Gabriel Casagrande (Axalta C2 Team) - a 15s608 
15-) 26 Raphael Abbate (Hot Car Competiçõe)s - a 18s066 
16-) 46 Vitor Genz (Boettger Competições) - a 18s712 
17-) 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) - a 19s019 
18-) 8 Rafael Suzuki (RZ Motorsport) - a 24s259 
19-) 9 Gustavo Lima (ProGP) - a 34s152 
20-) 4 Julio Campos (Prati-donaduzzi) - a 3 Voltas 
21-) 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) - a 4 Voltas 
22-) 74 Popó Bueno (Total Racing) - a 9 Voltas 
23-) 110 Felipe Lapenna (Schin Racing Team) - a 10 Voltas 
24-) 11 Cesar Ramos (Total Racing - a 11 Voltas 
25-) 25 Tuka Rocha (União Química Racing) - a 12 Voltas 
26-) 1 Antonio Pizzonia (Prati-donaduzzi) - a 14 Voltas 
27-) 70 Diego Nunes (Vogel Motorsport) - a 17 Voltas 
28-) 72 Fabio Fogaça (Hot Car Competições) - não largou 
29-) 12 Lucas Foresti (AMG Motorsport) - não largou 
30-) 2 Raphael Matos (Schin Racing Team) -não largou 
31-) 5 Denis Navarro (Vogel Motorsport) - não largou 
32-) 3 Bia Figueiredo (União Química Racing) - não largou

EM MS

Série B começa em setembro com seis clubes participantes

Os jogos serão disputados em grupo único e as duas melhores equipes vão para a Série A

13/07/2024 10h00

Comercial está na disputa do Estadual Sub-20 e deve usar jogadores deste elenco no time principal

Comercial está na disputa do Estadual Sub-20 e deve usar jogadores deste elenco no time principal Foto: Judson Marinho

Continue Lendo...

Durante reunião do Conselho Arbitral da Federação de Futebol do Mato Grosso do Sul (FFMS), que aconteceu nesta semana, foi definido que seis clubes do Estado vão disputar o sul-mato-grossense Série B de 2024.

As equipes confirmadas para a competição são: Esporte Clube Comercial (Campo Grande), Esporte Clube Águia Negra (Rio Brilhante), Clube Esportivo Sete de Setembro (Dourados), Clube Esportivo Naviraiense (Naviraí), Operário Atlético Clube (Caarapó) e Misto Esporte Clube (Três Lagoas).

Os representantes da Federação e dos seis clubes participantes decidiram o formato de disputa e regulamento.

A Série B de 2024 será disputa em fase única, com todos os clubes se enfrentando em turno e returno. Após as dez rodadas, o time que somar mais pontos é declarado campeão e os dois primeiros garantem acesso à Série A em 2025.

Segundo a tabela básica, a primeira rodada acontece entre os dias 7 e 8 de setembro e a última está marcada para o dia 10 de novembro. 

A competição começará no dia 7 de setembro, o jogo de estreia será disputado entre o Operário Caarapoense e o Misto de Três Lagoas no Estádio Carecão, em Caarapó.

No dia 8 de setembro, o Águia Negra enfrenta o Sete de Setembro com o mando de campo no Estádio Chavinha, em Itaporã. 

O time de Rio Brilhante indicou o estádio de Itaporã como local para mandar seus jogos, mas trabalha para liberar o Estádio Ninho da Águia, para mandar os seus jogos no seu município. 
A terceira partida desta primeira rodada acontece no Estádio Virotão, em Naviraí, onde o Naviraiense recebe o Comercial.

De acordo com o regulamento da competição, ocorrendo igualdade em pontos ganhos entre duas ou mais equipes a sequência de critérios de desempate são: maior número de vitórias, maior saldo de gols, maior número de gols pró e confronto direto.

A competição será disputada em apenas uma fase, dando acesso à primeira divisão para as equipes que terminarem na primeira e segunda colocação, sendo declarado o campeão da Série B o primeiro colocado após 10 rodadas disputadas.

EM BUSCA DO ACESSO

Rebaixados do Estadual no ano passado, Comercial e Operário de Caarapó disputam a segunda divisão em busca de voltar para a elite do futebol sul-mato-grossense na primeira tentativa.
Já o Águia Negra, que foi rebaixado em 2022, tentará novamente o acesso à primeira divisão, já que no ano passado o clube disputou a Série B e foi eliminado nas semifinais.

O Misto de Três Lagoas também disputou a segunda divisão de 2023, porém teve a pior campanha na Série B do ano passado, ficando longe da possibilidade de um acesso.

Desistente da edição de 2023 da primeira divisão, o Naviraiense volta a ativa e buscará o acesso e o possível trí-campeonato da Série B.

Fora das competições profissionais desde 2019, o Sete de Setembro de Dourados também estará de volta as atividades. O Clube mandará os seus jogos no Estádio Chavinha, na cidade de Itaporã.

EDIÇÃO PASSADA

Em 2023, sete equipes disputaram a segunda divisão do Estadual Sul-mato-grossense. O formato de disputa consistia em três fases, sendo que na primeira fase os clubes também se enfrentavam em grupo único, porém os quatro primeiros se classificavam para as semifinais e posteriormente para a final da competição.

Três equipes conseguiram o acesso para a primeira divisão de 2024, a Associação Atlética Portuguesa (Campo Grande), o Corumbaense Futebol Clube (Corumbá) e o Náutico Futebol Clube (Campo Grande).
A final do Estadual Série B de 2023 foi disputada pela Portuguesa e Corumbaense, sendo que o campeão da edição foi a Lusa, conquistando a segunda divisão de forma inédita.

Os finalistas da edição que terminou em dezembro do ano passado mantiveram os seus técnicos para a disputa da primeira divisão do Estadual, que começou em janeiro. 

Embalados pela campanha vencedora, Portuguesa e Corumbaense chegaram até as semifinais do Estadual Sul-mato-grossense de 2024, podendo até protagonizar mais uma final de campeonato em um período de quatro meses.

Porém, Portuguesa e Corumbaense as equipes foram eliminadas nas semifinais pelas por Operário Futebol Clube de Campo Grande, e pelo Dourados Atlético Clube, respectivamente.

SÉRIE D

Costa Rica encara Inter de Limeira (SP) na disputa pelo 2° lugar

Com 20 pontos conquistados e classificação encaminhada, a equipe sul-mato-grossense pode garantir vaga no mata-mata na próxima rodada, mas depende de outros resultados para isso

12/07/2024 11h00

Jogadores do CREC emocionados após gol da vitória nos minutos finais contra o Maringá (PR)

Jogadores do CREC emocionados após gol da vitória nos minutos finais contra o Maringá (PR) Foto: Assessoria / CREC

Continue Lendo...

O Costa Rica vem se superando nesta edição da Série D do Campeonato Brasileiro e, após uma vitória suada contra o líder Maringá (PR) na última rodada, enfrenta a Inter de Limeira (SP), atual segundo colocado do grupo, neste sábado (13), às 15h, no Major Levy Sobrinho, em Limeira, interior paulista, pela 13ª rodada da quarta divisão.

Com cinco vitórias nos últimos seis jogos, a equipe sul-mato-grossense está bem próxima de garantir a classificação para a segunda fase da competição, mas ainda precisa pontuar para não passar sustos nas duas próximas rodadas. Hoje, o CREC é o terceiro colocado do grupo G com 20 pontos conquistados, empatado com o vice-líder, a Inter de Limeira, adversário de amanhã.

Ou seja, o jogo deste sábado vale, além de uma possível garantia de classificação, também o posto de segunda melhor equipe do grupo, já que o primeiro colocado segue sendo o Maringá (PR), com 26 pontos, e dificilmente será alcançado. 

Caso perca o jogo, o time de MS pode ser ultrapassado pelos times paulistas Água Santa (19 pontos) e Santo André (17 pontos), o que faria o Costa Rica ter que vencer na última rodada e torcer para uma combinação de resultados para ir à próxima fase. Porém, se vencer, a classificação é garantida e poderia ir para a 14ª rodada com 100% da vaga em mãos.

O CREC chegou ao interior paulista nesta quinta-feira (11), mas não houve treino no dia para os atletas descansarem devida a longa viagem. A comissão optou por ficar hospedada em Piracicaba, cidade próxima de Limeira. Nesta sexta-feira (12), vão treinar e amanhã, dia do jogo, partirão rumo ao local da partida depois do almoço.

Para o jogo, o Costa Rica não poderá contar com o atacante Joelson, já que o jogador cumpre suspensão imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Porém, o outro atacante Lucas Lopeu volta, após ser expulso contra o Pouso Alegre (MG) e cumprir suspensão automática na última rodada. O lateral Léo Júnior, que já havia ficado como opção no último jogo, retorna como opção após um longo período lesionado.

A transmissão ao vivo da partida será por conta do canal oficial da Inter de Limeira no Youtube, a TV Vai Leão - Inter de Limeira

Adversário e grupo

A Inter de Limeira não passa por uma boa fase, com apenas uma vitória nos últimos seis jogos, incluindo três derrotas seguidas na competição. Porém, os resultados positivos no início do torneio garantiram à equipe paulista uma boa colocação no grupo desde o começo, chegando a ser líder por algumas rodadas.

Nesta fase da competição, quatro times (Inter de Limeira, Costa Rica, Água Santa e Santo André) ainda estão vivos em busca das últimas três vagas ao mata-mata, enquanto três times já estão matematicamente eliminados, sendo eles: São José (SP), Pouso Alegre (MG) e Patrocinense (MG). 

Além do jogo entre CREC e Inter de Limeira, também se enfrentam: São José e Pouso Alegre, ambos já eliminados como dito anteriormente; Patrocinense e Santo André, equipe paulista pode surpreender e entrar no G4 nesta rodada e; Maringá encara o Água Santa, duelo de equipes da parte de cima da tabela. Todos os jogos acontecem neste sábado, mas com horários diferentes. Confira a classificação de momento (antes do começo da 13ª rodada) do grupo G:

Jogadores do CREC emocionados após gol da vitória nos minutos finais contra o Maringá (PR)

Assine o Correio do Estado
 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).