Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

AUTOMOBILISMO

Fórmula 1 antecipa e estende férias por causa da pandemia do coronavírus

Paralisação que era de 35 dias passou para 63 dias
29/04/2020 03:00 - Estadão Conteúdo


A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) anunciou, nesta terça-feira, que vai estender o prazo de fechamento compulsório das fábricas das equipes de Fórmula 1. A paralisação que era de 35 dias passou para 63 dias.

As fábricas dos fabricantes de motores também teve um aumento no período de tempo que permanecerão fechadas, passando de 35 para 49 dias. As fábricas costumam ter um período de 14 dias de paralisação em agosto, quando acontecem as férias, mas este tempo foi antecipado e estendido (pela segunda vez) por causa da pandemia do coronavírus.

"Tendo em vista o impacto global do coronavírus, que atualmente afeta a organização dos eventos do Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA, o Conselho Mundial de Automobilismo aprovou uma alteração no Regulamento Esportivo da FIA de Fórmula 1 - 2020, mudando o período de férias de julho e agosto, para março e abril, estendendo-o de 14 para 21 dias. Portanto, todos os concorrentes devem observar um período de paralisação de 21 dias consecutivos durante os meses de março e/ou abril", informou a nota.

Das 18 provas previstas para a temporada, três já foram canceladas (Austrália, Mônaco e França). Outras sete corridas foram adiadas. A expectativa é de que o campeonato tenha início em 5 de julho, com a disputa do GP da Áustria.

Felpuda


Na troca de alfinetadas entre partidos que não se entenderam até agora sobre eventual aliança, uma outra peça está surgindo: trata-se do levantamento completo sobre investimentos feitos, recursos liberados, parcerias em todas as áreas, além do prazo de quando tudo isso começou. Caso os palanques venham a ficar distanciados, a divulgação será feita à exaustão durante a campanha eleitoral, para mostrar quem é quem na história. Os bombeiros continuam atuando.