Esportes

Rally dos Sertões

Jean Azevedo vence 5ª etapa e se aproxima do hexa

Jean Azevedo vence 5ª etapa e se aproxima do hexa

Continue lendo...

Depois de passar dois dias em branco, Jean Azevedo voltou a vencer uma etapa no Rally dos Sertões. Líder nas motos, o piloto da equipe Honda Mobil foi o mais rápido no trajeto entre Três Lagoas (MS) e Euclides da Cunha Paulista (SP) e ficou ainda mais perto do título.

Após cinco etapas completadas, Jean Azevedo soma na classificação geral a parcial de 12h35min26s, com sete minutos de vantagem sobre Ramon Sacilotti, quinto colocado no dia.

“Tive contratempos nos dois últimos dias durante as especiais, então procurei ficar dentro da prova da melhor forma possível, sem perder muito tempo. Hoje foi um dia normal, sem problemas. A moto também está inteira. Amanhã é manter o ritmo”, afirma Jean, que luta pelo hexacampeonato.

Nos quadriciclos, o dia também foi bom para o líder Marcelo Medeiros, que venceu a 5ª etapa e ampliou a vantagem na ponta.

Com o tempo de 3h36min18s, o maranhense deixou ainda mais pra trás o vice-líder Pedro Costa, que tem mais de 30 minutos de desvantagem em relação ao adversário, faltando apenas duas etapas para o fim da competição.

Copa América

Colômbia não perde há 28 jogos, mas última derrota foi justamente para a Argentina

Seleções se enfrentam neste domingo na final da Copa América

14/07/2024 09h00

Reprodução: Luis Diaz via Instagram

Continue Lendo...

No dia 1º de fevereiro de 2022, a Colômbia sofreu sua última derrota: 1 a 0 para a Argentina. Sem Messi em campo, Lautaro Martínez marcou o único gol do jogo. Desde então, os colombianos disputaram 28 partidas, derrotando grandes equipes e permanecendo invictos. Hoje, às 21h, em Miami, as seleções se enfrentam novamente na final da Copa América.

Naquela Data Fifa, a Colômbia praticamente deu adeus às chances de se classificar para a Copa do Mundo. O time, então dirigido por Reinaldo Rueda, também perdeu para o Peru, e nem as duas vitórias nas rodadas finais foram suficientes para colocá-lo na zona de classificação.

Rueda deixou o comando técnico, e Hector Cardenas, treinador do sub-20, assumiu a seleção em um amistoso até a escolha de Néstor Lorenzo como técnico principal. Lorenzo, ex-auxiliar de José Pékerman por 13 anos, tinha experiência apenas como treinador principal no Melgar (PER).

Lorenzo estreou com três vitórias, depois empatou duas vezes, voltou a vencer mais duas, e enfrentou a poderosa Alemanha em seu primeiro grande teste. Em Gelsenkirchen, Luis Díaz e Cuadrado comandaram a vitória por 2 a 0, levando a Colômbia a 11 jogos de invencibilidade.

Nas arquibancadas do Bank of America Stadium, em Charlotte (EUA), na semifinal da Copa América, os colombianos começaram a acreditar: "sim, nós podemos". A próxima grande vítima foi o Brasil, em Barranquilla (COL), com uma vitória por 2 a 1.

A Colômbia então mostrou sua força em Londres, vencendo a Espanha por 1 a 0, atual finalista da Eurocopa. Esta vitória em um amistoso abriu o ano de 2024 e deu ainda mais confiança ao time para alcançar algo que não acontecia há 23 anos: chegar à final da Copa América.

Para continuar o sonho, a Colômbia precisa superar a Argentina, sua última algoz. Desta vez, com Messi em campo.

Sequência de 28 jogos de invencibilidade

1. Colômbia 3 x 0 Bolívia (Eliminatórias da Copa, 2022)
2. Colômbia 1 x 0 Venezuela (Eliminatórias da Copa, 2022)
3. Colômbia 1 x 0 Arábia Saudita (Amistoso 2022)
4. Colômbia 4 x 1 Guatemala (Amistoso 2022)
5. Colômbia 3 x 2 México (Amistoso 2022)
6. Colômbia 2 x 0 Paraguai (Amistoso 2022)
Início da Era Néstor Lorenzo
7. Colômbia 0 x 0 Estados Unidos (Amistoso 2023)
8. Colômbia 2 x 2 Coreia do Sul (Amistoso 2023)
9. Colômbia 2 x 1 Japão (Amistoso 2023)
10. Colômbia 1 x 0 Iraque (Amistoso 2023)
11. Colômbia 2 x 0 Alemanha (Amistoso 2023)
12. Colômbia 1 x 0 Venezuela (Eliminatórias da Copa, 2023)
13. Colômbia 0 x 0 Chile (Eliminatórias da Copa, 2023)
14. Colômbia 2 x 2 Uruguai (Eliminatórias da Copa, 2023)
15. Colômbia 0 x 0 Equador (Eliminatórias da Copa, 2023)
16. Colômbia 2 x 1 Brasil (Eliminatórias da Copa, 2023)
17. Colômbia 1 x 0 Paraguai (Eliminatórias da Copa, 2023)
18. Colômbia 1 x 0 Venezuela (Amistoso 2023)
19. Colômbia 3 x 2 México (Amistoso 2023)
20. Colômbia 1 x 0 Espanha (Amistoso 2024)
21. Colômbia 3 x 2 Romênia (Amistoso 2024)
22. Colômbia 5 x 1 Estados Unidos (Amistoso 2024)
23. Colômbia 3 x 0 Bolívia (Amistoso 2024)
24. Colômbia 2 x 1 Paraguai (Copa América 2024)
25. Colômbia 3 x 0 Costa Rica (Copa América 2024)
26. Colômbia 1 x 1 Brasil (Copa América 2024)
27. Colômbia 5 x 0 Panamá (Copa América 2024)
28. Colômbia 1 x 0 Uruguai (Copa América 2024)

Com Folha Press 

BR-116

Dunga, capitão do tetra, sofre acidente e capota carro no Paraná

Ex-treinador da seleção estava com a esposa no veículo e tete do bafômetro deu negativo

13/07/2024 21h00

Carro capotou na BR-116, em Campina Grande do Sul (PR)

Carro capotou na BR-116, em Campina Grande do Sul (PR) Divulgação / PRF

Continue Lendo...

Ex-treinador da seleção brasileira, Dunga sofreu acidente e capotou carro neste sábado, 13, na BR-116, próximo a Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, no Paraná. Capitão do tetra, o ex-jogador estava ao lado de sua mulher, Evanir Verri.

Eles eram os únicos no veículo e foram atendidos ainda no local.

O acidente foi registrado próximo ao km 39 da rodovia. Tanto Dunga como Evanir tiveram ferimentos leves e estavam conscientes durante o atendimento. Eles foram levados ao Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, próximo ao local do acidente.

O teste do etilômetro foi realizado nas vítimas, com o resultado negativo. O capotamento ocorreu no início desta tarde, às 12h30. As informações são do G1.

Futebol

Dunga foi campeão mundial, como jogador e capitão, em 1994, nos Estados Unidos. A conquista do tetracampeonato completa 30 anos completa 30 anos no dia 17 de julho.

Além disso, comandou a seleção brasileira entre 2006 e 2010, na primeira passagem, e 2015 e 2016.

Como técnico, conquistou a Copa América de 2007 e a Copa das Confederações de 2009. Além disso, comandou a seleção brasileira na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, quando foi eliminado nas quartas de final pela Holanda. Desde 2016, quando foi demitido pela CBF, o treinador não assume outro trabalho como treinador em sua carreira.

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).