Esportes

França

A+ A-

Leonardo quer levar Ganso para o PSG

Leonardo quer levar Ganso para o PSG

Continue lendo...

O sonho de Leonardo em contar com Paulo Henrique Ganso faz o agora dirigente do Paris Saint-Germain (PSG), da França, dar reinício às tratativas para levar o meia. O ex-jogador foi o responsável por levar uma proposta de 30 milhões de euros (cerca de R$ 67 milhões) ao Santos. O lance inicial será rejeitado, mas a tendência é de que uma nova oferta seja realizada em breve. Ganso tem multa rescisória estipulada em 50 milhões de euros (cerca de R$ 111 milhões).

ANZHI OFERECE 900% A MAIS PARA GANSO

Leonardo mantém contato com Ganso desde a época em que treinava o Milan, em 2009. No ano seguinte, já como técnico da rival, Inter de Milão, as conversas passaram a ser mais frequentes. No entanto, os clubes italianos se negaram a pagar o valor da multa rescisória do meia.

A ameaça do PSG via Leonardo é perigosa. O clube francês passou a ser gerido pelo milionário qatari Nasser Al-Khelaifi, que comprou 70% das ações, e segundo a imprensa de Paris, está disposto a investir mais de 150 milhões de euros em contratações.

O clube francês apresentou Leonardo com diretor esportivo na quarta-feira. O brasileiro, que jogou no PSG nas temporada 1996/1997, disse estar estudando reforços.

O Paris Saint-Germain já havia feito propostas para levar Ganso nas últimas duas janelas internacionais de transferências, em julho passado, e no início deste ano. Com valores bem inferiores ao da multa rescisória, o Santos rejeitou as ofertas prontamente.

A procura por Paulo Henrique Ganso começa a esquentar no mercado europeu. Além do PSG, o Anzhi Makhachkala-RUS ofereceu 40 milhões de euros (cerca de R$ 89 milhões) para contratar o meia. Agora, o Santos já não duvida mais que algum clube estrangeiro seja capaz de pagar os 50 milhões de euros da multa.

LUTA

Delegação de MS levará 8 atletas para a disputa do Grand Slam de Taekwondo

Competição dá vaga para seleção brasileira da modalidade ao campeão de cada categoria

03/03/2024 17h20

A atleta Yasmin Santos foi uma das medalhistas de MS na Copa do Brasil Embaixador da Coreia disputada em 2023 Foto: Divulgação / Confederação Brasileira de Taekwondo - CBTFD

Continue Lendo...

O Grand Slam de Taekwondo deste ano terá 8 atletas da delegação do Mato Grosso do Sul na disputa pela vaga há seleção brasileira da modalidade.

A competição que acontece de 6 a 10 de março, na cidade do Rio de Janeiro, na Arena Carioca 1, conta com a participação dos melhores atletas do país em busca do lugar mais alto do pódio e a consagração de Atleta Titular da Seleção Brasilera de Taekwondo, nas categorias de Kyorugui (luta) e Poomsae (formas) para o ano de 2024.

Entre os destaques do Mato Grosso do Sul estão os atletas Jheferson Glaciel, de Sonora, e Yasmin Santos, de Campo Grande e Luiz Felipe Aquino de Campo Grande.

Jheferson Glaciel foi o único dos 31 atletas de Mato Grosso do Sul, que representaram o Estado na Copa do Brasil Embaixador da Coreia em 2023, que conquistou a medalha de ouro em sua categoria. Yasmin Santos terminou a competição com a prata.

Já o Luiz Felipe Aquino, foi medalhista de ouro na categoria -58kg do US Open de Taekwondo, realizado nos Estados Unidos, no ano passado.

Sob análise da Confederação Brasileira de Taekwondo (CBTKD), o atleta de MS participou do Canada e US Open, que junto ao Camping Olímpico da Seleção Brasileira no Rio de Janeiro, são competição que servem de base e observação para definir quais serão os atletas aptos a lutarem no Pré-Olímpico em busca da vaga para o Brasil nas Olímpiadas de Paris 2024.

Segundo o Presidente Federação de Taekwondo de Mato Grosso do Sul (FTKDMS), Fabio Costa, a expectativa para a competição é que os atletas do Estado consigam buscar uma vaga para representar o país na seleção brasileira.

“Esperamos ótimos desempenhos destes atletas, pois temos conquistado grandes resultados nos últimos anos, principalmente neste ano, onde o pessoal tem se dedicado bastante para entrar na Seleção Brasileira de Taekwondo”, disse Fábio Costa.

Além dos atletas destacados, o Mato Grosso do Sul será representado no Grand Slam pelo: Kaiky Gabriel Caetano dos Santos, na categoria adulto masculino até 63 kg; Lucas Vieira Kanashiro, categoria juvenil masculino até 45 kg; Matheus Gomide de Almeida, categoria cadete masculino; Thays Henrique de Souza da categoria cadete feminino, até 1.68 cm (Kyorugui) e da  Poomsae Individual e por Equipe e Geovana Gabrielly de Jesus Carvalho da categoria cadete feminino até 1.52 cm.

Ao todo, a delegação viajará com 11 integrantes onde, 10 deles, são apoiados pela Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Cidadania SETESC,  Fundação do Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (FUNDESPORTE) e pela Federação de Taekwondo de Mato Grosso do Sul ( FTKDMS).

Esportes

Brasil goleia Argentina e avança às semifinais da Copa Ouro: 5 a 1

Seleção aguarda por México ou Paraguai na próxima fase

03/03/2024 13h30

Leandro Lopes/CBF

Continue Lendo...

A seleção brasileira feminina de futebol não deixou dúvidas sobre quem era melhor e atropelou a Argentina por 5 a 1, na madrugada deste domingo (3), pelas quartas de final da Copa Ouro, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Bia Zaneratto (2), Yaya, Yasmin e Gabi Nunes marcaram para o Brasil. Celeste dos Santos descontou para as argentinas. Com o resultado, o Brasil espera por México ou Paraguai nas semifinais. As duas seleções se enfrentam às 19h deste domingo.

Depois de um breve período de inconstância no começo da partida, o Brasil abriu a porteira da goleada aos 18 minutos. Bia Zaneratto cruzou da esquerda e Yaya cabeceou no contrapé da goleira para marcar. Foi o primeiro gol da jogadora pela seleção brasileira principal. Após o jogo, ela classificou o gol como “uma sensação única, um momento muito maravilhoso".

Aos 35, Yasmin pegou sobra de fora da área para ampliar.

Na segunda etapa, o Brasil fez mais dois gols, com Bia Zaneratto marcando no próprio rebote em uma jogada dentro da área e depois com Gabi Nunes recebendo cruzamento da direita e finalizando livre de marcação, de cabeça.

A Argentina diminuiu com um belo gol de Dos Santos encobrindo a goleira Luciana, mas nos acréscimos Bia Zaneratto, com um chute forte da entrada da área, marcou o segundo dela e deu números finais à partida.

Até agora, a seleção comandada por Arthur Elias tem quatro vitórias em quatro jogos na competição, com 12 gols marcados. O gol sofrido contra a Argentina foi o primeiro e único até agora na campanha. O próximo compromisso da seleção está marcado para a madrugada de quinta-feira (7), em San Diego.

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).