Esportes

Esportes

A+ A-

Ministério Público vai investigar pacote de R$ 420 milhões para o Corinthians

Ministério Público vai investigar pacote de R$ 420 milhões para o Corinthians

Continue lendo...

O Ministério Público vai investigar o projeto que prevê R$ 420 milhões em incentivos fiscais para a construção do estádio do Corinthians, em Itaquera. A representação, assinada pelo promotor Marcelo Duarte Daneluzzi, chegou nesta terça-feira (21) na Secretaria das Promotorias de Justiça do Patrimônio Público e Social de São Paulo.


O documento pede que seja investigado o processo de aprovação dos incentivos. A intenção do promotor é saber se estão sendo observadas no caso do Fielzão todas as formalidades legais pelas quais todos os outros projetos têm que passar.

Além disso, Daneluzzi diz ainda que todo projeto de renúncia fiscal deve ser acompanhado do demonstrativo de como o dinheiro que deixa de entrar no Tesouro da prefeitura será compensado.

Trâmite

A novela da aprovação dos incentivos para o estádio do Corinthians teve uma reviravolta dramática no fim da tarde desta terça-feira (21). Depois de o presidente do clube, Andrés Sanchez, conseguir convencer até o presidente da Câmara Municipal, José Police Neto (sem partido), a agilizar o processo na casa, o vereador Aurélio Miguel (PR) resolveu agir.

Na audiência da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), Aurélio usou o regimento da Câmara e pediu vistas do projeto. O procedimento atrasa as votações em até dois dias, prazo-limite para o vereador devolver o documento. Como quinta-feira (23) é feriado, ele pode segurar a votação até sexta-feira (26).

Esportes

Operário é eliminado pelo xará paranaense e deixa de receber quase R$ 1 milhão

Jogo tumultuado, e com a rivalidade a flor da pele, as equipes empataram em 0 a 0

29/02/2024 14h20

Continue Lendo...

Em jogo tumultuado, com brigas e expulsões, o Galo de Mato Grosso do Sul, empatou sem gols contra o Operário Ferroviário, do Paraná, e foi eliminado na primeira fase da Copa do Brasil. Com a saída precoce da competição nacional, a equipe sul-mato-grossense deixa de receber R$945 mil. 

O confronto, que aconteceu no gramado do Jacques da Luz, tinha ares de decisão dentro e fora de campo, por causa da partida do ano passado, onde a equipe paranaense foi derrotada por 1 a 0 e eliminada.  

Logo no início da partida, o Fantasma apresentou maior posse de bola, mas o Galo de Campo Grande se segurava na defesa e respondia nos contra-ataques. Na primeira etapa a bola rolou pouco no péssimo gramado do Jacques da Luz, por isso ambas as equipes não economizaram nas jogadas ríspidas e nas confusões, que alimentaram ares de decisão.

Vinicius Eduardo / @eduardofotoms

Com o jogo travado na etapa inicial, o técnico Leocir Dall’astra abriu o time no segundo tempo, já que o empate favorecia os paranaenses. O venezuelano Yuxer Macallyster estreou pelo Galo, porém, rendeu pouco nas oportunidades que teve.  

Com poucas chances de gols, o segundo tempo seguiu muito disputado, briga por posições táticas e muita confusão entre as equipes. Antes do apito final, o zagueiro Júnior Fell acabou deixando o cotovelo no jogador adversário e acabou expulso.  

Após o apito final, os atletas do Operário Ferroviário comemoraram a classificação, enquanto os jogadores e comissão técnica do Galo de Mato Grosso do Sul foram para cima do árbitro para reclamar de lances polêmicos. 

Enquanto os atletas dos clubes reclamavam, o goleiro do Galo, Elissom e membros da comissão técnica do Fantasma entraram em uma briga generalizada na saída do gramado, mas depois de alguns minutos os atletas se abraçaram e nada grave foi registrado.  

Os 2.691 torcedores, resultando na renda estimada de R$ 59 mil, foram embora desapontados pela eliminação.   

Com o resultado, o Operário Ferroviário enfrentará o Villa Nova-MG na segunda fase da Copa do Brasil. O mando de campo é do clube mineiro. 

O Operário de Mato Grosso do Sul foca suas atenções no Campeonato Sul-Mato-Grossense. Líder do grupo A, com 18 pontos, enfrenta a Cobra do Norte no Estádio Laertão, em Costa Rica e garantiu nos cofres do clube, R$787 mil.

Esportes

EUA anunciam amistoso contra seleção brasileira antes da Copa América

Jogo está programado para 12 de junho, na cidade de Orlando

28/02/2024 23h00

Foto: Lucas Figueredo/ CBF

Continue Lendo...

A Federação Norte-Americana de Futebol (U.S. Soccer) anunciou um jogo amistoso contra o Brasil no dia 12 de junho, como parte da preparação para a Copa América, que ocorrerá nos Estados Unidos, a partir de 20 de junho. De acordo com a assessoria da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a entidade está finalizando os últimos detalhes para divulgar oficialmente a partida.

Divulgação/ 


O Brasil disputa a primeira rodada da fase de grupos da Copa América em 24 de junho, contra Costa Rica ou Honduras pelo Grupo D, que integra também Colômbia e Paraguai.

Ao todo, a competição reunirá 16 equipes: 10 da América do Sul e o restante das Américas do Norte e Central, além do Caribe.

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).