Esportes

Jogos Mundiais

A+ A-

Nadador da Capital ganha medalhas

Nadador da Capital ganha medalhas

DA REDAÇÃO

14/07/2011 - 04h00
Continue lendo...

O nadador do Rádio Clube/Marce, Marcos Leite Gomes, voltou dos 32º Jogos Mundiais de Medicina e Saúde, disputado na semana passada, nas Ilha Canárias, arquipélago do Oceano Atlântico pertencente à espanha, com cinco medalhas no peito. Marcos, que é médico, foi primeiro lugar nos 50 metros borboleta, segundo nos 400 m livre, 1.400 m livre, revezamento 4x50 m livre e o terceiro colocado nos 50 m costas e nos 50 m livre. O campo-grandense foi o único brasileiro que competiu nas Ilhas Canárias. “Os europeus e americanos levam a natação muito a sério. Foi uma competição forte. Eu treino há 16 anos. Esse tempo serviu para eu me concentrar para chegar a uma posição como essa. É uma conquista muito boa. É um orgulho muito grande carregar na camiseta de um lado o clube que eu represento, o Rádio Clube e do outro a bandeira do Brasil”, aponta o atleta.

PARIS 2024

Elite do vôlei nacional vê com otimismo a reta final para classificação às Olimpíadas

Para a Duda e Ana Patrícia, que venceram neste domingo (25) a 1ª etapa do circuito brasileiro, o país sempre chega com favoritismo nas olímpiadas

25/02/2024 17h25

Confiança em boa representação do vôlei nacional nas olímpiadas se reflete na liderança do brasil no ranking mundial Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado

Continue Lendo...

Em reta final de preparação para a classificação às Olimpíadas de Paris 2024, a elite nacional do vôlei de praia, que disputará as etapas do circuito mundial neste ano, buscando a vaga olímpica, vê com otimismo o nível do vôlei brasileiro para ir em buscar do pódio.

Destaque mundial na modalidade em 2023, a dupla Duda (SE) e Ana Patrícia (MG) lideram o ranking mundial do vôlei de praia, e estão por detalhes de conseguirem a classificação para as Olimpíadas. A vaga garantida por pontuação deve acontecer já na segunda etapa do circuito mundial, que será em Doha, no Catar, do dia 5 a 9 de de março.

Em entrevista para o Correio do Estado, Eduarda Santos Lisboa (Duda), afirmou que o vôlei brasileiro deve chegar muito forte para as Olimpíadas. "O mundo é muito forte, não é só a gente, todo mundo quer ganhar, não é só porque não pegamos pódio pela primeira vez na última olímpiada [Tóquio 2020] que isso não seja também merito dos outros paises, mas o brasil sempre vem forte, é o país do vôlei", declarou.

Perto de confirmarem a vaga olímpica, a dupla Duda e Ana Patrícia seguem focadas nas etapas do mundial neste ano olímpico. "O primeiro passo é se classificar para as Olimpíadas. Temos nosso primeiro campeonato em Doha para fechar as 12 etapas do nosso time. Ainda faltam várias etapas, e vai depender de nossa melhor performance e trabalho para buscar essa vaga nas Olimpíadas", acrescentou Duda.

Atual campeão do Circuito Brasileiro, o três-lagoense Arthur Mariano, comentou que houve uma evolução de investimento de outros países, oque acabou deixando a disputa do vôlei brasileiro com os demais, mas acirrada nas olimpíadas.

"Eu acho que a gente está em uma evolução grande, os outros países estão investindo muito no vôlei de praia, e também acho que a CBV [Confederação Brasileira de Vôlei] está tentando aumentar este investimento para ficar de igual para igual com os outros países. Ali na europa é mais facil para eles, porque conseguem treinar um contra o outro com mais facilidade, tendo um ritmo maior. Mas se deus quiser, quem for nos representar, vai representar muito bem", disse Arthur.

Campeão Olímpico no Rio de Janeiro em 2016, e medalhista de prata em Londres 2012, Alison Cerutti, que está com 37 anos, declarou ao Correio do Estado que o vôlei brasileiro neste ano será bem representado.

"O vôlei brasileiro sempre chega forte, os quatro times que forem representar o Brasil, vão representar muito bem, e graças a deus eu vou poder desta vez, estar ali torcendo para todo mundo". 

No circuito mundial de 2023, que soma pontos importantes para conseguir a vaga olímpica, a dupla Duda/Ana Patrícia venceu 5 das 47 etapas do circuito feminino, ajudando o Brasil a terminar o ano no topo geral do quadro de medalhas, com 12 medalhas de ouro, 8 de prata e 13 de bronze, totalizando 34 pódios.

CANDIDATOS A VAGA 

Com direto a quatro vagas nas Olimpíadas, duas no masculino e duas no feminino, além da dupla já mensionada na reportagem, no feminino, o Brasil deve ser representado pela dupla Carol (RJ) e Barbara Seixas (RJ), que está na quinta colocação do ranking mundial, com 14 etapas disputadas, sendo que, as primeiras 17 duplas do ranking, duas por país, se classificam para as Olimpíadas.

Pelo masculino as duplas George (PB) /André (ES), atuais campeões do Pan-americano de Santiago, no Chile e Evandro (RJ) / Arthur (PR), estão na 5ª e na 8ª colocação do ranking mundial de vôlei de praia, bem próximos da classificação para as olímpiadas.

CIRCUITO BRASILEIRO

Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado

Começando os trabalhos na temporada 2024 do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, o Top 16, elite do vôlei nacional, teve como os primeiros campeões do ano, em Campo Grande, as duplas Duda (SE) e Ana Patrícia (MG), no feminino, e Matheuzinho e Moisés no masculino.

Surpresa entre os finalistas, Matheuzinho e Moisés venceram a etapa disputada no Parque das Nações Indigenas em cima do campeão olímpico Alison Cerruti, e seu parceiro Igor Borges, por 2 sets a 1 (parciais de 21/13, 22/20 e 15/10)

Já no feminino a dupla Duda e Ana Patrícia conquistaram o primeiro lugar com uma vitória de 2 sets a 0 contra a dupla Hege e Vitória (parciais 21/18 e 21/15).

Na primeira etapa do aberto, que teve a sua final disputada no sábado (24), no masculino, Pedro(SE) e Gabriel Santiago (DF) conquistaram por 2 sets a 1, a medalha de ouro contra a dupla Manaus (AM) e Vilsomar (PR).

Teresa (DF) e Barbara (RJ) venceram o aberto no feminino, em cima da dupla Lúcilia Rosa (SP) e Mayara (SP) por 2 sets a 0.

 

 

FUTEBOL-OITAVA RODADA

Corumbaense atropela e faz 4 a 1 no lanterna time do Ivinhema

Vitória dá ao Carijó da Avenida vaga nas quartas de final do sul-mato-grossense de futebol

25/02/2024 16h53

Time corumbaense venceu com facilidade time do Ivinhema Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Continue Lendo...

Depois de quatro tropeços, a reabilitação do Corumbaense no Campeonato Sul-Mato-Grossense foi em grande estilo e com classificação.

Neste sábado (24), pela oitava rodada da primeira fase, o Carijó da Avenida recebeu o lanterna Ivinhema e emplacou 4 a 1, informou a assessoria de imprensa da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul).

A goleada, associada à vitória do Aquidauanense sobre o Novo por 2 a 0, valeu ao Corumbaense vaga nas quartas de final.

Agora, o Grupo B tem o Dourados AC na liderança, com 13 pontos, o Azulão da Princesa em segundo com 12 e o time de Corumbá vem em seguida com nove.

A última vaga da chave está em disputa entre Novo, com cinco pontos e mais um jogo a realizar (DAC em casa), e o Ivinhema, lanterna com quatro pontos, e mais duas partidas pela frente (Aquidauanense em casa e DAC, fora).

Gols

No Estádio Arthur Marinho, a partida ganhou movimentação a partir dos 30 minutos do primeiro tempo. O Corumbaense abriu o placar aos 34 minutos em contra-ataque de Robinho, de uma área a outra, quando tocou para Pedrinho, que driblou o goleiro Zé Augusto antes de marcar.

Cinco minutos depois, em erro de saída de bola do Ivinhema, Bruninho recebeu na entrada da área e bateu com precisão para fazer 2 a 0.

O Ivinhema conseguiu diminuir o prejuízo aos 41 minutos, com cruzamento pela direita de Nicolas que Douglas, de cabeça, mandou no canto alto direito do goleiro João. Mas a reação do Azulão durou pouco.

Aos 43, Thiaguinho recebeu na perto da área e bateu forte, no canto de Zé Augusto, voltando a ampliar a vantagem.

O placar do primeiro tempo parecia que seria definitivo, mas nos acréscimos, aos 49 minutos. O cruzamento da esquerda encontrou Rincón que cabeça quase à queima-roupa e Zé Augusto defendeu, mas na sobra, Eliezer aproveitou para bater e transformar a vitória do Corumbaense em goleada e fazer a festa com a torcida nas arquibancadas.

Grupo A


Portuguesa 0 x 0 Costa Rica

O Campeonato Sul-Mato-Grossense 2024, organizado pela Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), tem apoio do Governo do Estado, por meio da SETESC e Fundesporte.

 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).