Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BASQUETE

NBA anuncia volta de treinos a partir de 8 de maio

Atividades serão realizadas sob restrições
27/04/2020 23:00 - Agência Brasil


A NBA (Liga de Basquete Profissional dos Estados Unidos) divulgou uma nota oficial nesta segunda (27) na qual afirma que, a partir do dia 8 de maio, algumas equipes poderão permitir que seus jogadores voltem a treinar de forma individual e com restrições como forma de evitar a propagação do novo coronavírus (covid-19).

“As possíveis mudanças nas regras permitiriam que as equipes disponibilizassem suas instalações de treino para uso dos jogadores da equipe para exercícios ou tratamento de forma voluntária e individual, isso se as instalações da equipe estiverem em uma cidade que não está mais sujeita a restrições do Governo. Para qualquer equipe que, devido a uma restrição do Governo, seja proibida de disponibilizar suas instalações para uso dos jogadores, a liga trabalhará com a equipe para identificar alternativas”, informou a NBA.

No entanto, para a volta das atividades, terão que ser obedecidas algumas regras: não são permitidos mais de quatro jogadores em uma instalação a qualquer momento; nenhum treinador principal ou assistente poderá participar das atividades; a atividade em grupo permanece proibida; os jogadores continuam proibidos de usar instalações que não sejam de equipe, como academias públicas, academias de ginástica ou academias.

A NBA suspendeu a atual temporada no dia 11 de março, quando anunciou que um jogador do Utah Jazz testou positivo para coronavírus.

Felpuda


Falatório e atitude de membro da família acenderam a luz vermelha no “QG” de candidato, pois poderão causar muitos estragos. 

A tropa de choque de defensores do candidato a prefeito já foi colocada em campo e só falta falar que os genes de ambos são diferentes. 

E com relação ao dito-cujo, sabe-se que deverá ser orientado a “baixar a bola” nos próximos dias, mais precisamente até o término da campanha eleitoral.

Afinal...