Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BRASILEIRÃO

Com dois de Nenê, Fluminense vence e deixa Corinthians perto da zona da degola

Com vitória por 2 a 1 no Maracanã, Tricolor encerra sequência negativa
13/09/2020 17:41 - Estadão Conteúdo


O Fluminense venceu o Corinthians por 2 a 1, com gols de Nenê, aproximou-se do G-4 do Campeonato Brasileiro e deixou o time paulista à beira da zona de rebaixamento. 

Jogando no Maracanã, no Rio de Janeiro, os mandantes construíram o placar com facilidade.

Com o interino Dyego Coelho, após a demissão de Tiago Nunes na última sexta-feira, o Corinthians entrou em campo no 4-1-4-1. 

A formação, porém, durou apenas 16 minutos. O treinador sacou o volante Éderson para colocar o atacante Everaldo e deixou o time no 4-3-3-, quando o placar já estava 1 a 0.

O Fluminense, bem mais organizado, marcou logo aos sete minutos. Depois do cruzamento pela direita, Nenê chutou travado com os defensores corintianos e, já caído no chão, finalizou na sobra e acertou o cantinho do gol de Cássio.

Era pela direita que o Fluminense chegava sempre com perigo. Calegari fez um bom jogo tanto na defesa quanto no ataque. 

O time carioca dominou o começo da partida e recuou um pouco após abrir o placar, mas não chegou a ser assustado.

O Corinthians não conseguia criar. A única jogada era chutão de Cássio para Jô dar uma "casquinha" de cabeça e tentar encontrar algum companheiro. 

O atacante chegou a se irritar diversas vezes com a postura dos outros jogadores.

O único lance de perigo do Corinthians ocorreu já no segundo tempo, quando Michel cruzou e Everaldo marcou, mas o gol foi anulado corretamente por impedimento do lateral-direito. Não precisou nem do VAR.

O duelo ficou "arrastado" na etapa final, mesmo com as mudanças dos treinadores. 

Só aos 40 minutos houve pênalti discutível, quando a bola bateu no braço de Bruno Méndez dentro da área. Nenê foi para a cobrança e fechou o placar.

Já nos acréscimos, Danilo Barcelos foi expulso por entrada dura em Michel. 

Aos 50, Mateus Vital descontou, mas já era tarde para o Corinthians buscar qualquer reação em busca do empate. Melhor para o Fluminense, que voltou a ganhar após três jogos. 

Já o Corinthians agora soma três partidas sem vitória.

 
 

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 2 x 1 CORINTHIANS

CORINTHIANS - Cássio; Michel Macedo, Bruno Méndez, Gil e Lucas Piton (Sidcley); Gabriel (Ramiro), Éderson (Everaldo) e Cantillo (Camacho); Gustavo Mosquito (Mateus Vital), Otero e Jô. Técnico: Dyego Coelho (interino).

FLUMINENSE - Muriel; Calegari, Digão (Nino), Luccas Claro e Danilo Barcelos; Hudson (Yago Felipe), Dodi e Nenê; Michel Araújo (Luiz Henrique), Wellington Silva (Ganso) e Marcos Paulo (Felippe Cardoso). Técnico: Odair Hellmann.

GOLS - Nenê, aos 7 do primeiro tempo. Nenê (pênalti), aos 43, e Mateus Vital, aos 50 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Gabriel, Walter, Dodi, Bruno Méndez, Nenê, Camacho.

CARTÃO VERMELHO - Danilo Barcelos.

ÁRBITRO - Braulio da Silva Machado (SC).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

 

Felpuda


A lista do Tribunal de Contas de MS, com nomes de gestores que tiveram reprovados os balanços financeiros de quando exerceram cargos públicos, está deixando muitos candidatos de cabeça quente.  Conforme previsto pelo Diálogo, adversários estão se utilizando de tais dados para cobrar, principalmente nas redes sociais, deixando alguns gestores na maior saia justa e tendo que se explicar. O eleitor, por enquanto, só observa. E dê-lhe!