Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EXERCÍCIO EM CASA

Pela internet, instrutores da prefeitura ensinam de handebol a musculação

Aulas são postadas todas as segundas, quartas e sextas-feiras, às 8h
30/05/2020 10:42 - Gabrielle Tavares


A Fundação Municipal de Esportes (Funesp) e a Prefeitura de Campo Grande implementou o “Programa Movimenta CG em Casa”, que divulga toda semana videoaulas de Ritmos e Musculação. As aulas são postados todas as segundas, quartas e sextas-feiras, às 8h, nas redes sociais e no site Exercício Saudável.

O projeto é uma adaptação do programa que já existia e era realizado em 70 locais. Com os fechamentos dos parques, por conta do coronavírus, foram adaptados para serem realizados em qualquer ambiente. Já foram gravados mais de 60 vídeos com orientações de atividade física e recreativa para crianças, adultos, idosos e pessoas com deficiência, que podem ser acompanhados no site. Além das videoaulas os professores orientam os treinos em casa por meio de lives, feitas pelos agentes sociais de esporte e lazer da Funesp.

“Estamos em um momento de pensar no outro e essa é a grande lição dessa doença. Com isso, estamos buscando alternativas e inserimos tecnologia no programa Movimenta CG, os agentes estão fazendo lives no mesmo horário das oficinas no Instagram e Facebook. Para quem não tem acesso aos vídeos, estamos montando uma cartilha com exercícios que será disponibilizado no site da Prefeitura. Assim, esperamos que além de manter o atendimento aos cerca de 20 mil inscritos, que novas pessoas possam se movimentar”, comentou o diretor-presidente da Funesp, Rodrigo Terra.

Sobre as modalidades

Ritmos é uma modalidade de dança com vários ritmos musicais onde as pessoas buscam um condicionamento físico e uma qualidade de vida. Já a musculação é uma modalidade de treinamento físico realizado contra resistência de pesos externos, chamada também de treino resistido, que tem como objetivo o aumento hipertrofia muscular, ganho de força e potência.

 

Felpuda


Comentários maldosos nos meios políticos dão conta que duas figurinhas que se rebelaram contra os próprios colegas poderão ficar no sereno político e, de forma indireta, serem personagens das próprias manifestações.

Um deles defendeu a redução do número de vereadores, e o outro disse ter vergonha de exercer o cargo. Agora enfrentam altos e baixos na campanha eleitoral.