Clique aqui e veja as últimas notícias!

OLIMPÍADAS

Brasil marca 4 na Alemanha no futebol masculino e poderia ter devolvido goleada de 2014

A seleção comandada por André Jardine estreou com vitória por 4 a 2
22/07/2021 10:13 - FOLHAPRESS


Quando alguém quiser entender o significado da expressão "placar enganoso" no futebol, basta assistir os 90 minutos de Brasil e Alemanha, pelo torneio olímpico de futebol masculino, nesta quinta-feira (22).

A seleção comandada por André Jardine estreou com vitória por 4 a 2, mas poderia ter feito mais gols. Muito mais, na verdade. Seria a chance para devolver os 7 a 1 aplicados pelos alemães na semifinal da Copa do Mundo de 2014, no Mineirão.

Claro que a partida de sete anos atrás foi muito mais importante e histórica, mas conseguir uma goleada expressiva contra os germânicos massagearia o ego do torcedor nacional. 

Com o resultado, o Brasil começa na liderança no grupo D dos Jogos de Tóquio. Em outro jogo da chave, a Costa do Marfim derrotou a Arábia Saudita, mas com um gol a menos de saldo: 2 a 1.

O confronto aconteceu no Yokohama International Stadium onde, em 2002, Brasil e Alemanha se enfrentaram na decisão do Mundial e Ronaldo anotou duas vezes para selar o título do elenco que ficou conhecido como "família Felipão", em alusão ao treinador Luiz Felipe Scolari. O mesmo do 7 a 1.

O Brasil fez três no primeiro tempo nesta quinta. Poderia ter feito sete. Não foi ameaçado em nenhum momento pela Alemanha, dominou a partida e se, abriu o placar aos sete minutos, poderia tê-lo feito antes.

Antony cortou a defesa adversária com um único passe, que encontrou Richarlison, que seria em 2021 uma mistura de Thomas Muller e Miroslav Klose de 2014. O atacante do Everton (ING) fez o primeiro. Ele foi para o vestiário 38 minutos depois com mais dois na bagagem.

Últimas notícias